RÁDIO KATIVA WEB

terça-feira, 24 de novembro de 2020

Cogitado para assumir a SAE, general Carulla já foi condenado por improbidade administrativa

 

Carulla foi condenado por improbidade administrativa, tendo os direitos políticos suspensos por 3 anos.

General Vitor Carulla Filho, cujo nome vem sendo cogitado para assumir a Superintendência de Água e Esgoto - SAE, já foi condenado por improbidade administrativa por ter utilizado veículo oficial e motorista militar para fins particulares de forma reiterada. Quando comandante da 10ª Região Militar, ele teve seus direitos políticos suspensos por três anos e foi proibido de contratar com o Poder Público ou receber benefícios ou incentivos fiscais ou creditícios também pelo mesmo prazo. 

Mesmo com direitos políticos suspensos à época, o general tomou posse em outro cargo no Exército.

Na sequência, o general assumiu novo cargo público no Exército Brasileiro (Prestação de Tarefa por Tempo Certo - PTTC), descumprindo, assim, a decisão judicial proferida na ação de improbidade que o condenou à suspensão dos direitos políticos. Mesmo assim, o Tribunal Regional Federal da 5ª Região dispensou a devolução dos salários que, segundo o Ministério Público Federal, teriam sido recebidos sem boa-fé. 

Nenhum comentário:

Postagem em destaque

Secretaria não apresenta informações solicitadas por associação

  A Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Turismo deixou de prestar informações solicitadas pela Associação do Direito e da Cidadania de...