RÁDIO KATIVA WEB

sexta-feira, 11 de outubro de 2019

A farra da licença-prêmio para comissionados


A Prefeitura reclama da crise econômico-financeira. Salários atrasam. Mas, o pagamento de indenização de licença-prêmio aos comissionados não. Chamou a atenção o caso de um servidor filiado ao Partido Solidariedade que ingressou na Prefeitura em 2017. Ao ser exonerado, em 2019, ele recebeu R$ 27 mil de indenização por licenças não gozadas. Logo depois, foi novamente nomeado, agora para outro cargo comissionado.

Nenhum comentário: