sexta-feira, 15 de fevereiro de 2019

Perguntar não ofende...


Gustavo Bebbiano, ministro da Secretaria-Geral da Presidência da República, bateu de frente com as milícias (organizações criminosas) do Rio de Janeiro, que, segundo ele, dominam o Hospital Federal de Bonsucesso (clique aqui). Começou a ser linchado nas redes sociais por Carlos Bolsonaro e pelo próprio Jair Bolsonaro depois que veio à tona a notícia de que o PSL teria criado candidatos laranjas para desviar recursos públicos (clique aqui).

Perguntar não ofende... Por que o presidente e seu filho não lincharam também o ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio (deputado federal por Minas Gerais), que é investigado pela criação de candidatos laranjas para desviar recursos públicos (clique aqui)?

Motivo da pergunta: existem suspeitas de ligações entre o clã dos Bolsonaros, especialmente de Flávio Bolsonaro, com as milícias do Rio Janeiro. As notícias abaixo mostram esses indícios:

Mãe e esposa de suspeito de integrar milícia trabalharam no gabinete de Flávio Bolsonaro

Nenhum comentário: