terça-feira, 29 de agosto de 2017

TCEMG constata superfaturamento em serviços de pavimentação asfáltica


Conforme informado anteriormente (clique aqui), o ex-prefeito Marcos Antonio Alvim foi condenado pelo Tribunal de Contas do Estado de Minas Gerais (TCEMG) a devolver R$ 821 mil aos cofres do município. Esse valor foi decorrente de superfaturamento na contratação de serviços de engenharia (pavimentação asfáltica). 


Na Concorrência nº 02/2002, o TCEMG apurou superfaturamento por quantidade (quantidade paga maior do que a executada) no valor de R$551 mil, conforme abaixo:



Já na Concorrência nº 01/2006, a mesma espécie de superfaturamento foi de R$ 270 mil:



Em resumo, em serviços de engenharia que custaram R$ 5,9 milhões, o TCEMG constatou superfaturamento no montante de R$ 821 mil, correspondente a 13% do valor total.



Clique aqui e leia a decisão do TCEMG.

Nenhum comentário: