segunda-feira, 27 de julho de 2015

Negócio mal cheiroso I: banheiro caro

A Prefeitura pretende 42,9 mil com aluguel de banheiros químicos.

A Prefeitura, por meio da Secretaria de Governo, quer gastar até R$ 432 mil com aluguel de estruturas para eventos (palcos, tendas, banheiros químicos, etc.). Comparados com os do ano passado, os gastos aumentaram bastante. Em 2014, a despesa estimada era de R$ 138 mil. Em um ano, aumento de 294 mil ou 212%. Se você já achou essa despesa exagerada, prepare-se para saber agora de uma das suspeitas de sobrepreço (que alguns chamam de superfaturamento).

O município  estima pagar para R$ 143 pelo aluguel de banheiros químicos (o edital não diz, mas deve ser o valor diário da locação). No total, a despesa prevista para esse tipo de locação é de R$ 42,9 mil. Em rápida pesquisa, verificamos que poderia ser gasto bem menos. Aqui no DF, por exemplo, encontramos locação de banheiros químicos por R$ 46,75 e R$ 39,99 a diária. Indícios de sobrepreço de 205% e 257%, respectivamente. 
A Polícia Militar do DF e o Batalhão da Guarda Presidencial, em Brasília, pagaram bem menos pelo aluguel: R$ 46,75 e R$ 39,99, respectivamente.


Pesquisa feita em outros municípios reforça a suspeita. A cidade de Maringá-PR, por exemplo, pagou pelo aluguel de banheiros químicos R$ 50 em 2013. Em 2014, foram feitas locações nos valores de R$ 47 e R$ 81.

Definitivamente, essa história dos banheiros químicos não está cheirando bem. A licitação deveria ser corrigida para se evitar mais prejuízos ao contribuinte.

Clique aqui e acesse o edital da licitação.

Nenhum comentário: