terça-feira, 16 de dezembro de 2014

Em Araguari, empreiteira não aparece, e moradora tem que varrer a rua


Fonte: Linha Dura Araguari, TV Vitoriosa.

Pitaco do Blog

O senso comum aponta que político só se lembra do cidadão comum em duas ocasiões. A primeira, é na hora de pedir voto. Bebe café frio em lata de extrato. Pega criança cagada no colo. Faz o diabo! A segunda, é na hora de entregar o carnê do IPTU, junto com as taxas de serviços públicos (limpeza, conservação, etc.). Chova ou faça sol, a fatura chega na casa do cidadão. Convenhamos: o senso comum não está muito errado.

Agora, na hora de prestar serviços públicos, o político se esquiva. Ninja, some na fumaça. Vaza na braquiária. O caso mostrado na reportagem, em que uma senhora realiza, gratuitamente, o serviço público de varrição na rua ao lado Cemitério, é emblemático. Mostra que onde os serviços públicos não chegam, os cidadãos, com sua generosidade (e até inocência), fazem as vezes do poder público.

Nesse ponto, a situação em Araguari é grave. As empreiteiras faturam altas quantias. Somente na gestão atual os contratos de limpeza de ruas e manutenção de áreas verdes totalizaram R$ 5,4 milhões. Mas, em troca dessa bolada, prestam serviços de má qualidade. Ruas sujas. Mato crescendo no asfalto. Tudo isso está ao alcance dos olhos de qualquer um. Tecnicamente, pode caracterizar superfaturamento.

Atualmente, a licitação para contratar esses serviços está suspensa pelo Tribunal de Contas. É a segunda vez que isso acontece. Como foi denunciado aqui, os preços que a Prefeitura queria pagar estavam acima dos valores de mercado.

É pau, é pedra, é o sujo caminho... Governos que pagam por serviços não realizados, na verdade, estão varrendo dinheiro público para os bolsos dos empreiteiros. Mesmo que esses bolsos estejam com grana saindo pelo ladrão, nenhum real ficará espalhado pelo chão. Será devidamente abocanhado por alguma mão grande antes mesmo de tocar o solo.

4 comentários:

Anônimo disse...

bem que na campanha política avisaram que com esse governo O POVO IA PARTICIPAR DA ADMINISTRAÇAO

Ianis disse...

Blogueiro porreta !!!

(...)
Chova ou faça sol
(...)

Tá certo. Esta postagem foi atípica, em linguajar... digo, dialeto bem compreensível aos aborígenes, cansados de saber que limpeza urbana já fez virar nos 30, anos, recém-varrido da vida pública, salvo tremenda falta de sorte ou sujeira maior ainda.

Faça chuva (sic) ou faça sol, nunca se deixou foi de fazer sujeiras por empreita, né ?!

Atenciosamente,
Janis Peters Grants.

Fake disse...

Araguari é a cidade dos absurdos, até vice prefeito anda de briguinha com o prefeito. kkk

Anônimo disse...

Briguinha que foi noticia do MGTV 2 Edição de ontem!!!!! Kkkk . A 🐮 vaca ta indo pro brejo e levando s corda junto!