domingo, 12 de outubro de 2014

Prefeito pede o apoio dos comissionados ao candidato Aécio Neves


Logo após o término do primeiro turno das eleições, o prefeito, Raul Belém, reuniu os ocupantes de cargos comissionados no seu governo para pedir apoio à candidatura de Aécio Neves (PSDB) à Presidência da República. A reunião teria ocorrido após o horário de expediente da Prefeitura no Espaço Brazuca, pertencente ao Secretário de Meio Ambiente, Cristiano Gimenes (Brazuca).

De acordo com denúncia recebida pelo blog,  o equipamento de som utilizado no evento pertenceria  à Prefeitura e o seu operador seria funcionário público municipal. Essa conduta, em tese, poderia violar o art. 73, I, da Lei nº 9.504/1997, que proíbe os agentes públicos de "ceder ou usar, em benefício de candidato, partido político ou coligação, bens móveis ou imóveis pertencentes à administração direta ou indireta da União, dos Estados, do Distrito Federal, dos Territórios e dos Municípios, ressalvada a realização de convenção partidária".
 
Em contato com a Assessoria de Comunicação da Prefeitura, o blog foi informado de que o Município não possui equipamento de som. Logo, a aparelhagem usada no evento seria particular. 
 
De qualquer sorte, fica o registro, uma vez que esse assunto é de interesse do Ministério Público Eleitoral

3 comentários:

Rafael Kesler disse...

A pessoa que exerce "cargo comissionado" na Prefeitura Municipal de Araguari é, no mínimo, adulta, certo? Indivíduo plenamente capaz, correto? Levando isso em consideração, tal "agente público comissionado" possui capacidade de formar suas próprias convicções políticas, sem inconvenientes interferências alheias. Quem é Raul Belém para sugerir "melhor opção política"? Analisemos a decadência de seu vigente Desgoverno Municipal. Ah, vá trabalhar, prefeito. Cada coisa...

"ê... ô ô vida de gado... povo marcado, ê, povo feliz..."

O.o

Ianis disse...

Prezado Rafael Kesler,

Depois da pérola legítima da mais pura Programação Neurolinguística aplicada à Política Araguarina:

(...)
Quem não ama a si, não pode amar ao seu próximo.

Muitos pensam apenas em seus interesses e acabam prejudicando a cidade além de um fato: no futuro essa pessoa pode sair em busca de votos para a sua eleição e será hora de pagar da mesma forma.
(...)

Fonte da Autoria:
http://gazetadotriangulo.com.br/tmp/noticias/marcos-alvim-lamenta-resultado-das-eleicoes-e-responsabiliza-posicao-das-liderancas-da-cidade/#comment-6843

... e o mais próximo agora é o tal Candidato a Presidência, melhor é o Gestor se dedicar ao metiê da maneira que lhe convir.

Reza a lenda, que os profissionais especializados em positivismos, motivação e afins, tem por crença a mais absoluta convicção de que - não apenas poderão SEMPRE contar com o ovo dentro do fiofó da galinha, mas que este ovo ainda virá ao mundo contendo não uma apenas, mas DUAS gemas... e pouco interessa tratar-se de produto estéril, sem continuidade futura, pois o interesse único é o consumo imediato. E como recentemente não veio ovo algum, e ainda deram sumiço à galinha, que nem penas deixaram ou se viu...

Deve ser uma espécie de "resgate"... vai que praga de parceiro que não desprega, pega, né ?!

;-)

À deriva e mui

Atenciosamente,
Janis Peters Grants.

Fake disse...

Os caras votam em quem quiser, o que o Pref fez foi sugerir o voto no Truculento das Alterosas... ou não.