quinta-feira, 19 de setembro de 2013

Licitação do viaduto: onde está a verdade?

Na edição do Gazeta do Triângulo de hoje, o prefeito, Raul Belém, falou do "adiamento" da licitação para a construção do viaduto.
Vejam a reportagem completa:

Prefeito explica adiamento de licitação do viaduto do São Sebastião  
 


Foto: Gazeta do Triângulo

Conforme o prefeito, a obra será custeada pelo município
Foto: Gazeta do Triângulo

ADRIANO SOUZA - Em entrevista exclusiva na tarde desta terça-feira, 17, para o jornal Gazeta do Triângulo, o prefeito Raul Belém (PP) reafirmou o compromisso de construção do viaduto de acesso ao bairro São Sebastião e aproveitou principalmente, para falar sobre os procedimentos em relação ao processo de licitação da obra. O chefe do Executivo recebeu uma recomendação do Tribunal de Contas para que o edital seja publicado também no Diário Oficial da União, o que será adequado pelo governo, segundo afirmou.

“É importante que seja colocada essa exigência do Tribunal de Contas para evitar qualquer outra informação de que a obra não possa ser realizada dentro do período. Essa recomendação não irá interferir no andamento do projeto de construção do viaduto. É necessário que se diga que a obra será construída dentro da previsão, isto é, ao longo de 18 meses, uma vez que os recursos são do município. A medida é de adequação e não adiamento”, disse o prefeito.

No início do atual governo a Câmara Municipal autorizou a contratação de empréstimo no valor de até 9,5 milhões de reais, sob a modalidade de antecipação de receitas, com o comprometimento para garantia a totalidade dos royaties que recebe pela geração de energia elétrica.

No entanto, a prefeitura desistiu de contrair esse empréstimo, pois conforme afirmação do secretário de Fazenda Érico Chiovatto, o banco ficaria com a totalidade dos royalties destinados ao município, cerca de 600 mil reais por mês. Com a execução da obra serão necessários cerca de 400 mil reais mensais.

Ainda segundo o secretário de Fazenda, nos meses que houver menor aporte de recursos no caixa da prefeitura, poderá haver diminuição no ritmo das obras, avançando no cronograma quando a arrecadação for maior.
 
 
Pitaco do Blog
 
Uma meia-verdade é igual a uma mentira. O prefeito disse que o Tribunal de Contas do Estado de Minas Gerais (TCE/MG) recomendou que o município publicasse, no Diário Oficial da União, o resumo do edital da licitação para a construção do "Viaduto do São Sebastião". Por isso, teria sido adiada a abertura das propostas dos licitantes, prevista para o dia 16/09. Só faltou dizer que o TCE/MG pediu ou implorou ao município que cumprisse a lei publicando o resumo do edital.
Outra meia-verdade é a reportagem em sim mesma. O jornal não foi atrás da tal "recomendação" feita pelo TCE/MG. Pelo menos, não publicou uma linha sequer sobre a decisão do tribunal. Ouvir somente a opinião "política" (e, portanto, parcial) do prefeito não necessariamente conduz à verdade dos fatos.
Nós já fizemos questionamentos aqui sobre as falhas no edital da concorrência para a construção desse viaduto. Essas dúvidas poderiam até ser esclarecidas se tivéssemos acesso ao edital e ao processo de licitação. Entretanto, a Prefeitura simplesmente não publica esse e outros documentos de interesse público, negando ao cidadão o direito à informação.
Vamos procurar maiores informações junto ao TCE/MG para saber qual a verdade sobre a licitação para a construção do viaduto. A licitação foi adiada pela Prefeitura? Ou foi suspensa pelo TCE devido a irregularidades? As poucas informações vindas da Prefeitura não são confiáveis. Isso vale também para as notícias publicadas em determinados jornais da cidade.
Clique aqui e leia nossa postagem sobre as falhas no edital da licitação do "Viaduto do São Sebastião".
 

2 comentários:

MÃE FELIZ, MAS PREOCUPADA. disse...

Ah. se eu tivesse condição financeira , ja tinha mudado desta terra. Se temos familia nossos filhos tem que alçar voos pra lugares bem longe.Como foi o meu caso, meu filho da aulas na UFU e agora foi pra PRTUGAL , pos doutorado. Minha filha excelente jornalista teve que sae mudar pra brasilia...Oh. que triste, aqui só ficam aqueles que tem sobrenomes...Mas com essa politiquinha eu ainda prefiro que eles estejam longe. Pronto cansei.

Anônimo disse...

Gente, uma das verdades é de que a Prefeitura está sem UM CENTAVO em caixa, (limparam ele) e que para fazer a licitação a verba deverá estar disponível... ou a empresa vencedora VAI INICIAR SERVIÇO SEM PREVISÃO DE PAGAMENTO. Podem averiguar junto ao TCE que a verdade vai aparecer. CHEGA DE ENGANAR O POVO PREFEITO. FOI ASSIM NA CAMPANHA E AGORA PARA GOVERNAR.