domingo, 27 de maio de 2012

Falta de cuidado e de informação

Alguns políticos araguarinos parecem desligados da realidade brasileira. Na semana passada, muito se falou da vinda à cidade do senhor Carlos Lupi, presidente nacional do PDT e ex-ministro do Trabalho nos governos Lula e Dilma. Ele foi recebido na Câmara de Vereadores pelo presidente interino da Casa, vereador Rafael Guedes, num evento em que estavam presentes  o deputado federal Mario Hering, o deputado Tenente Lúcio,  o  presidente local do PDT, Werley Macedo e o assessor especial do governo estadual Raul José de Belém.
Sabe-se que o PDT, assim como os demais partidos, possui bons quadros. Por exemplo, um de seus integrantes, o deputado federal Antonio Reguffe, é  sem dúvida, uma das maiores referências éticas do Congresso Nacional (vejam só: virou exceção o que deveria ser regra). Já o visitante não é nacionalmente reconhecido por seus atributos éticos.
Refresquemos nossa memória. Lupi foi o sexto ministro a deixar o governo Dilma acusado de envolvimento em corrupção. Depois de denúncias de que ele estaria envolvido em irregularidades praticadas em convênios do Ministério do Trabalho com organizações não governamentais (ONGs), o ministro antecipou-se à já anunciada decisão da presidente e pediu demissão do cargo em dezembro do ano passado.
A nossa classe política parece contaminada pelo complexo de vira-latas. Dá louros a quem, muitas vezes, não os merece. A participação do ex-ministro nesse evento é apenas mais um sintoma desse contágio. Outros casos podem ser vistos, por exemplo, na distribuição indiscriminada de títulos de cidadania araguarina. O uso de critérios exclusivamente políticos e partidários dificilmente produzirá boas escolhas para a cidade.
Que fique claro. Não estamos defendendo o fechamento das portas da cidade a pessoas  supostamente envolvidas em atos de corrupção. Afinal, todos são presumidamente inocentes até prova em contrário. E, independente disso, podem trazer alguma contribuição para o desenvolvimento do município. Mas, entendemos que a população deveria ser melhor esclarecida sobre quem são essas pessoas. Caberia à imprensa exercer esse papel (o que não foi feito no caso). Antes, competiria à nossa classe política ter um maior cuidado nessas escolhas. 

Clique aqui e veja a cronologia da crise que culminou com a demissão de Carlos Lupi devido a denúncias de corrupção.
Clique aqui e leia a opinião do ex-prefeito Miguel de Oliveira a respeito do evento.
Clique aqui e leia a reportagem do jornal Gazeta do Triângulo sobre a visita do ex-ministro.
Clique aqui e veja a opinião do jornalista Márcio Marques, do Gazeta do Triângulo, acerca do assunto.

5 comentários:

Aristeu disse...

Com certeza não vai plantar nada em Araguari e sim colher.

rafael costa filho disse...

qual o crime de trazer lupi em Araguari.
quem vc ja trouxe o que vc ja fez para cidade.
vejo que pessoas como vc so olha a propria vida.
onde a visita do ex ministro atrapou ou mudou alguma coisa na rotina da cidade.

rafael costa filho.
p

rafael costa filho disse...

qual o crime de trazer lupi em Araguari.
quem vc ja trouxe o que vc ja fez para cidade.
vejo que pessoas como vc so olha a propria vida.
onde a visita do ex ministro atrapou ou mudou alguma coisa na rotina da cidade.

rafael costa filho.
p

Antonio Marcos de Paulo disse...

Prezado Rafael, não vejo nenhum crime em levar algum politico a Araguari. Apenas, não vejo com bons olhos certas escolhas e a omissão de informações por parte da imprensa da cidade.
Eu não acho normal um ex-ministro ser investigado por irregularidades (prejuízos de milhões de reais) em convênios com ONGs. Por isso, me referi à existência de outros bons quadros dentro do próprio PDT.
Eu não fiz nada pela cidade. Apenas pago meus impostos em dia.
Se não fiz nada de bom, pelo menos não estou agindo para o mal. Vou além, em vez de assistir, calado, ao crescimento das irregularidades nos poderes da cidade, estou aqui usando essa e outras tribunas para denunciar.

Aristeu disse...

Rafael, se o Antonio Marcos, um dia, morrer por atrocidade, pode ter certeza que não foi por outra cidade.