sexta-feira, 27 de abril de 2012

O MINISTÉRIO DA SAÚDE ADVERTE: GESTORES INCOMPETENTES FAZEM MAL À SAÚDE.

PS foi visitado por representantes do Ministério
da Saúde (Foto: Reprodução/ Tv Integração)

Fogos de artifício, rádios transmitindo ao vivo, festa, bravatas. Esse, o resumo da transferência do Pronto Socorro para o prédio do "Hospital Municipal". Atraíram os holofotes. Criou-se um fato político em ano eleitoral. Durante o funcionamento: reclamações, falta de médicos, raio-x parado, etc. Muito pouco mudou em relação à qualidade do atendimento nas antigas instalações.
Agora, a notícia óbvia: o Ministério da Saúde determina que a Prefeitura desocupe o prédio do "Hospital Municipal". O prédio é inservível para essa finalidade. Provavelmente, essa unidade de emergência será transferida para a Policlínica, se e quando as novas instalações ficarem prontas.
O que dizer? Já falamos muito disso aqui. Antes, irregularidades na construção, desperdício de dinheiro público, ausência de fiscalização, incompetência, fortes indícios de má fé. Agora, demora na resolução do problema, falhas de planejamento do governo atual, omissão da Prefeitura na recuperação do prejuízo, mais desperdício de recursos públicos com transferência de equipamentos, incompetência.
Resumo e alerta. O MINISTÉRIO DA SAÚDE ADVERTE: GESTORES INCOMPETENTES FAZEM MAL À SAÚDE.

Clique aqui e leia a reportagem do Portal G1 sobre o assunto.

3 comentários:

Aristeu disse...

Acredito que, quando se presta socorro, não se escolhe barranco.

Anônimo disse...

Ocorre que a atual administração da saúde, apadrinhada por vocês sabem quem, e permeadas de incompetência e truculência, assumiram o poder na Sáude praticamente à força, dando um "golpe" no Dr. Dilson.
Certamente a falta de conhecimento hierárquico entre os entes federados foi motivo dessa tragicomédia, onde no ímpeto dos paliativismos do atual governo, gestores para se autopromoverem tomam ações impensadas e incabíveis. Esqueceram-se de orgãos fiscalizadores e mudaram na marra para o Hospital, assim como tomaram na marra o poder na secretaria de saúde.
Engraçado que só não usam do poder político da administração para usar as prerrogativas legais e fazer os médicos trabalharem. Isso não fazem por covardia,pois temem a classe médica. Vão mudar novamente só a mobilia de lugar pois médico que é bom a senhora Iolanda não conseguiu colocar no PS...Que Deus nos ajude.

Anônimo disse...

ah o tal dr. Dilson perdeu o assento porque nao aparecia no trabalho, ficava o dia inteiro no consultorio particular enquanto a Iolanda mandava e dismandava