segunda-feira, 13 de fevereiro de 2012

Viva os botecos! Araguari, MG

Escrito por Patrícia, Campinas, SP, no Blog Banquete Virtual (clique aqui para ler):

Nas minhas férias passei muitos dias na minha terra natal. Foi ótimo para estar com os amigos e a família e também para aproveitar as comidinhas de lá. Como Araguari fica no Triângulo Mineiro, a culinária de lá é muito influenciada pela de Goiás, que fica bem perto dali… então teve frango com molho de açafrão, pequi, galinhada, pamonha salgada e muito mais. A carne daquela região é também uma coisa incrível e bem diferenciada. Deixa estas churrascarias badaladas das capitais no chinelo, mesmo. E, claro, lá é também cheio de botequinhos.
Desta vez fui ao Bar do Peixe com meus pais. Antes de ir fui avisada que era um boteco e quando cheguei lá fiquei meio apavorada, pois o boteco (que nem é pequeno) tinha muitas luzes brancas, o que me causa enxaqueca instantânea, pois tenho fotofobia. Estava lotado. Pedimos uma cerveja e veio ‘trincando’, como todo boteco que se preze deve oferecer! Depois, por sugestão dos meus pais, pedimos o filé de tilápia, que vem acompanhado com um molhinho de maionese, salada de alface, tomate e cebola e arroz branco. Precisa de mais? Tem alguma dúvida de que estava uma delícia? Que a luz branca passou batida e nem me incomodou? Boteco bom é assim: cerveja gelada, comida simples e caprichada e uma pimenta ardida!

Pitaco do Blog
As coisas boas da cidade têm que ser reverenciadas. Vejam como a qualidade do atendimento gera uma sensação de bem estar. Espalhada pela internet, essa sensação mostra que Araguari possui atrativos gastronômicos que, aliados a outras qualidades, podem incluí-la em roteiros turísticos.



5 comentários:

Rodolfo Paranhos disse...

Show de bola Marcos! Esses dias fui lá também, o peixe é uma delícia. O medalhão com mussarela então...

É por esses motivos que lá fica sempre lotado, excelente qualidade!

Ianis disse...

UBERLÂNDIA-MG, 13 de fevereiro de 2012.

Prezados Amigos,

Para quem não sabe, a FOTOFOBIA às lâmpadas fluorescentes é um INFERNO VIBRANTE!

Eu que também o diga. Se me virem com óculos escuros por lá, mesmo à noite, é exatamente por isso.

E não pela cachaça...

Atenciosamente,
Janis Peters Grants.

Aristeu disse...

Interessante salientar que boteco tem uma infinidade de sinônimos devendo perder, em Minas Gerais, apenas para a palavra TREM. Boteco pode ser um restaurante, uma churrascaria e até mesmo butequim onde eu tomava minhas pingas e caia, motivo maior de não usar óculos, nem escuro.

Edilvo Mota disse...

Com o "Bar do Peixe" o Natal sofisticou a casa. Mas não perdeu a simpatia e a cordialidade de sempre.

Nem ele, nem Dona Irani.

Mas, nós cinquentões saudosistas lembramos com saudade (tempo recente) de quanto saboreávamos o peixe com salada, regado a cerveja gelada, na mercearia do Natal, ali pertinho, recostados em caixotes, jogando conversa fora e ouvindo bravatas dos sinuqueiros de plantão.

Depois dos jogos do Flamante, no domingão, a gente matava a sede e a fome (mais sede, claro) na sombra do canteiro central da Av. Mato Grosso.

Grande Natal...

banquetevirtual disse...

Oi! Que bacana que linkou meu texto sobre o bar do peixe aqui! Muito legal! =) Abraços,
Patricia