segunda-feira, 13 de fevereiro de 2012

PARA QUE DILEMA VEREADORES? C.L.I JÁ E PRONTO!

PARA QUE DILEMA VEREADORES? C.L.I JÁ E PRONTO!

Dilson Martins de Oliveira*

Não podemos permitir a negligência de obrigações dentro da Câmara Municipal de Araguari, isso como grupo colegiado e também, por parte de indivíduos fiscalizadores eleitos ao não reagir à aclamação do povo, da razão, dos argumentos, das denúncias e pedidos fundamentados de uma cidadã, ex diretora e servidora da carreira pública da prefeitura ao fazê-lo em alto e bom tom sob os olhares e questionamentos de todos os nobres edis.

O cenário é muito claro! Não são os esclarecimentos dos fatos a serem feitos pelo procurador nesta terça, à luz de uma convocação, que devem reger as ações neste momento, mesmo porque, estes sempre poderão ser colocados em xeque. E sim, é o sentido de existência e finalidade do Poder Legislativo do nosso município que está em jogo.

Fechar os olhos, calar as vozes e/ou cruzar os braços neste momento... E o povo de nossa cidade, infelizmente, terá a pior das interpretações por culpa e responsabilidade dos gestores em razão de sucessivos atos de desinformação, omissão, demora, falta de atitude e principalmente, pelo protecionismo invisível, porém palpável a um grupo e não às necessidades da nossa cidade.

A nenhum dos agentes partícipes desta história cabem dúvidas acerca do único caminho lógico e certo a seguir. Se o governo não tem e não precisa ter o que temer, que o seu líder na Câmara seja o quarto nome a constar para a abertura da C.L.I.

Respeitadas as averiguações e trabalhos do governo acerca das ações dos seus próprios agentes, o poder fiscalizador de nossa cidade deve exercer seu imperioso papel e fazer o seu trabalho, formular sua ação de investigação, construir o seu próprio relatório e tecer o seu julgamento.

Aceitar apenas as ações e argumentos do Executivo, dando conclusão a um caso tão sério e concreto de fatos é privar dos mínimos e mais frágeis elementos que a cidade precisa para continuar a frequentar as sessões parlamentares de todas as terças-feiras da Câmara Municipal de Araguari... Confiança, respeito, compromisso, ética, trabalho, honestidade, dignidade, humanidade, cidadania, justiça, igualdade, democracia, liberdade... Existem? Veremos!
 
*Funcionário público e diretor sindical

3 comentários:

garliene arts disse...

CONVITE>>>> A servidora Mirian Lima estará nesta terça feira na NA CAMARA MUNICIPAL DE ARAGUARI a convite dos Vereadores para esclarecimentos, das denuncias feita na SAÚDE....Estará presente o PROCURADOR do municipio para levar em SESSÃO o resultado das investigações internas, estas que ele mesmo disse em entrevista no MG TV , que existia irregularidades SIM....portanto diante deste quadro CLI JÁ...CLI JÁ....Não instaurar a C.L.I. da SAÚDE, será uma gravíssima OMISSÃO.

PROCRASTINAR, POSTERGAR sob qualquer estratégia LEGAL, somente irritará mais ainda o e-Leitor.

Ficará claro e evidenciado de que compromissos e interesses diversos tem prioridade sobre os da Saúde da População.

BARGANHAR com a Saúde Pública pode até ser LEGAL.

Mas é

I M O R A L !!!
ESPERAMOS E CONTAMOS COM A PRESENÇA DE TODOS NESTA TERÇA FEIRA APARTIR DAS 17 HS NA CAMARA DE VEREADORES DE ARAGUARI...BORA-LÁ PESSOAL.....=)

Ianis disse...

UBERLÂNDIA-MG, 13 de fevereiro de 2012.

Prezados Srs.,

A POPULAÇÃO deve habituar-se a COBRAR, no mundo virtual e real, ATITUDES e RESULTADOS de seus REPRESENTANTES.

Um grupo bem entrosado e suficientemente esclarecido comparecerá à Câmara Legislativa de Araguari, nesta terça-feira, na intenção de fazer esta parte.

Não instaurar a C.L.I. da SAÚDE, será uma gravíssima OMISSÃO.

PROCRASTINAR, POSTERGAR sob qualquer estratégia LEGAL, somente irritará mais ainda o e-Leitor.

Ficará claro e evidenciado de que compromissos e interesses diversos tem prioridade sobre os da Saúde da População.

BARGANHAR com a Saúde Pública pode até ser LEGAL.

Mas é

I M O R A L !!!

Atenciosamente,
Janis Peters Grants.

...

Aristeu disse...

Quando a cara é de pau você pode lapidar de tudo quanto for jeito, pode passar peroba, dar brilho de verniz, mas o cerne será sempre o mesmo da cara de pau. Todas estas virtudes elencadas pelo Dilson não existem onde ele quer que exista.