sexta-feira, 3 de fevereiro de 2012

Dúvidas...

É patente a necessidade de aprofundamento das investigações das irregularidades ocorridas no Pronto Socorro Municipal (PSM). Além de pressões políticas, as comissões de sindicância sofrem limitações processuais. Elas não podem acessar registros de ligações telefônicas nem quebrar sigilos bancário e fiscal de investigados. Já as comissões legislativas de inquérito possuem poderes bem mais amplos, podendo buscar, com mais chance de êxito, a verdade "verdadeira".
Apenas para exemplificar, relaciono 20 dúvidas que dificilmente serão esclarecidas pela comissão de sindicância criada pelo Poder Executivo para investigar as referidas irregularidades:
1) por que o PSM, apesar da sua inegável importância, não existe formalmente (não é um órgão) na estrutura da Secretaria?
2) Por que, até hoje, não foi aprovado o seu regimento interno?
3) Por que as nomeações e exonerações dos servidores do PSM (de todos os servidores públicos, na verdade) não são publicadas no Correio Oficial?
4) Por que faltam médicos, equipamentos e medicamentos naquela unidade (conforme consta da denúncia)?
5) por que o responsável técnico pelo mamógrafo e raio-x não acompanha a realização de manutenção desses aparelhos?
6) por que a Secretaria de Saúde não indica formalmente uma pessoa para acompanhar e atestar a execução dos serviços de manutenção?
7) Por que o mamógrafo e o raio-x (entre outros aparelhos) tinham que sofrer manutenção todos os meses?
8) Por que toda manutenção mensal custava o mesmo valor (mamógrafo=R$ 2.700,00 e raio-x=R$ 1.482,00)? Os serviços e as peças substituídas eram sempre as mesmas?
9) Por que a ex-secretária de Saúde pediu a prorrogação do contrato de manutenção de um mamógrafo que estava interditado e lacrado por ordem da Vigilância Sanitária Estadual? Por que assinou tal prorrogação?
10) Por que a Procuradoria-Geral do município emitiu parecer favorável a essa prorrogação de contrato?
11) Por que o senhor prefeito não determinou, por cautela, a suspensão temporária dos pagamentos feitos à empresa que teria recebido valores indevidos?
12) Por que parte do dinheiro que deveria ser usado para alimentação de servidores do PSM foi gasto na compra de tortas e refrigerantes para eventos comemorativos?
13) Por que foi instaurada apenas uma sindicância quando os fatos indicavam - conforme reconhecido pelo próprio prefeito - a ocorrência de irregularidades graves, que deveriam, por isso, ser apuradas em processo administrativo disciplinar?
14) Se o procurador-geral do município teve participação (ainda que de menor importância) em alguns fatos sob investigação, não estaria, agora, impedido de atuar na sindicância? 

15) Se estava clara desde o início a existência de pagamentos indevidos, por que não foi instaurada tomada de contas especial pela Controladoria-Geral do Município?
16) Se a interdição do mamógrafo já está sendo investigada pelo Ministério Público Federal, por que o senhor prefeito não comunicou mais essa irregularidade ao Procurador da República em Uberlândia?
17) Por que o prefeito, em vez de afastar os suspeitos, permitiu o afastamento somente da denunciante? Por que ele e o secretário de Administração assistem, passivamente, a denunciante sofrer constrangimentos no local de trabalho?
18) O que os gestores da Saúde e o senhor prefeito - que sabiam, desde o início, da carência de recursos materiais e humanos no PSM - fizeram para diminuir o sofrimento dos usuários do SUS?
19) Existem provas (fotografias, registro de ligações telefônicas, etc.) que comprovem a existência de contatos frequentes entre a secretária de Educação e os gestores da Secretaria de Saúde ou entre agentes públicos e os proprietários das empresas envolvidas?
20) O dinheiro pago indevidamente permaneceu com o prestador de serviços ou foi repassado a terceiros ou a agentes públicos?

7 comentários:

Anônimo disse...

Muito bem elaborada as perguntas, pena que não terão respostas, e se tiver serão com certeza respostas idiotas que nao convencerão ninguem , nem a " ELES " proprios...


Agora quanto a pergunta numero 18, eu mesmo dou a resposta, Essas pessoas desse novo modelo não nem um pouco preocupados com as pessoas que precisam do Pronto Socorro e do SUS, se morrerem é favorpra eles, um menos pra " encherem o saco deles "... Espero que este seja o ultimo ano desses exterminadores de vida.

Anônimo disse...

E de quem seria o restaurante fornecedor de Marmitex para o PSM? Se alguem souber vai ganhar um doce....

Anônimo disse...

DE QUEM É O NUTRISABOR? QUERO GANHAR UM DOCE.

Leandro Cezar Maniezo disse...

Me desculpem, mas eu não sei. Vamos dar nomes? Quem é afinal o dono do Nutrisabor?

garliene arts disse...

Nutrisabor..de quem?

garliene arts disse...

Nutrisabor.....de quem?

Ianis disse...

UBERLÂNDIA-MG, 6 de fevereiro de 2012.

Prezados e-Leitores,

UAI !!! Sei não.

(...)
NUTRISABOR

A NUTRISABOR, que serve comida balanceada a domicílio, inaugura novo endereço, na própria Rua Rodolfo Paixão, em prédio que marca pelo estilo. A NUTRISABOR alcançou merecido sucesso. Expandiu atividades para Uberlândia, onde repete o sucesso, igual ou ainda maior. O Jornal CORREIO parabeniza pela nova sede e deseja cada vez mais sucesso.
(...)
Fonte:
http://www.correiodearaguari.com/correio/index.php?option=com_content&task=view&id=858&Itemid=32



Eu gostei mesmo foi da dica da semana: ( se ficar difícil para ler, clique, segure e passe o cursor do mouse no parágrafo... )

(...)
A primeira coisa que nos oferecem ao pisar no Peru é o chá de coca. De acordo com achados arqueológicos, as folhas são utilizadas a mais de 8.000 anos, são totalmente legais no país e aparentemente inócuas (ao contrário de seu produto purificado, a cocaína). O chá, além de hidratar, contém flavanóides antioxidantes, que reduzem o dano celular e previnem doenças. Além do chá de coca (também chamado mate de coca), mascar as folhas da planta é atividade comum nos Andes. Tanto a extração com água quanto a mastigação liberam substâncias alcalóides com efeitos estimulantes, digestivos, inibidores do apetite e que diminuem os efeitos do "mal da atitude", tão comum em regiões muito altas e onde o volume de oxigênio é menor. O chá é amargo e por isto não agrada a todos. É vendido em todo lugar, assim como folhas de coca, balas de coca, cremes a base da folha de coca... Mas o que gostei mesmo foi o "banho inca" feito no hotel. Na piscina de pedra com água a 40oC e "temperada"com muita folha de coca você pode relaxar sozinho ou acompanhado. Muito bom após um dia de caminhada por Cusco e arredores.Além disso, 100g de folhas possuem um alto teor de nutrientes:
(...)
Fonte:
http://nutricaosabor.webnode.com.br/dicas/

Issa !!!

Pesquisando um pouco mais:

(...)
De acordo com Reinaldo Correa, delegado da divisão de Prevenção e Educação do Denarc, a folha de coca, assim como derivados, é proibida no Brasil. Tanto o comerciante quanto o comprador podem ser enquadrados normalmente na lei brasileira de entorpecentes, como usuários ou traficantes, dependendo da quantidade de coca utilizada. Mesmo o chá industrializado, que possui uma concentração pequena da planta, é proibido no Brasil.
(...)
Fonte:
http://txt.jt.com.br/editorias/2010/02/27/var-1.94.12.20100227.12.1.xml

Super interessante... Sou adepto de chás. Mas agora fiquei em dúvida... POSSO OU NÃO ADQUIRIR ESTE PRODUTO, se estiver a venda ?!

Atenciosamente,
Janis Peters Grants.