terça-feira, 10 de janeiro de 2012

Plano de Cargos e Salários

A revisão do Plano de Cargos e Salários do funcionalismo dificilmente será aprovada ou, na melhor das hipóteses, não atenderá aos anseios dos funcionários em geral. É a conclusão que se extrai da entrevista dada pelo secretário de Administração, Levi Siqueira, hoje pela manhã à Rádio Planalto.
Segundo o secretário, o município terá gastos adicionais com o funcionalismo no início deste ano. Citou: i) a majoração do salário-mínimo, que aumentará a remuneração daqueles que, até dezembro, ganhavam até R$ 622,00; ii) o aumento do piso nacional dos servidores da educação; e iii) a revisão de remuneração dos funcionários que ocorrerá em abril. Esse aumento de gastos, na visão do secretário, demanda a adoção de cautelas na realização da referida revisão.
Tenho defendido a completa reestruturação do funcionalismo público araguarino. Já mencionei aqui diversas irregularidades e distorções que precisam ser sanadas para que Araguari, pelo menos nesse setor, deixe de trilhar o caminho da ilegalidade. Entretanto, pelas palavras do secretário, as mudanças necessárias dificilmente ocorrerão. É sempre assim, devido à falta de planejamento, os governos empurram o problema com a barriga, perpetuando imoralidades e injustiças. Por isso, o serviço público, por vezes, é tão criticado. Afinal, servidor desmotivado (uma carreira bem estruturada é um dos fatores motivadores) não tem condições de prestar um bom serviço à população.

11 comentários:

Ianis disse...

UBERLÂNDIA-MG, 10 de janeiro de 2012.

Prezado Marcos,

E falando em Servidores Municipais, os da Educação em Gestões anteriores sempre estavam reinvidicando alguma coisa...

NADA COMO A TOTAL SATISFAÇÃO NÉ ?!

Ou será MEDO de ficar de castigo depois da aula ?!

Atenciosamente,
Janis Peters Grants.

JOSE FLAVIO disse...

Gostaria de informar ao nobre colega Marcos que não se trata de revisão do Plano, mas sim de uma nova Lei cuja elaboração teve a participação efetiva do ex-presidente do SINTESPA Dr. Cristiano, que atualmente ocupa a Sub Procuradoria Geral do Município, com grande cotação para assumir outro cargo impostante no âmbito do "novo modelo". No mais, tenho a dizer que a fila anda e os interesses pessoais também.

Marcos disse...

Dr. José Flávio, é por isso que defendo uma ampla reestruturação da relação entre o município e os funcionários.
Da forma como está, somente algumas pessoas e, no máximo, alguns pequenos grupos são beneficiados com essas mudanças legislativas. Normalmente, alguns grupos mais próximos do poder conseguem melhorias, criando maiores distorções no plano.
Se esse tipo de coisa acontece, é sinal de que algo deve mudar na atuação do sindicato, cuja função é defender o interesse de todos e não apenas de "A" ou "B". Também, a atuação do senhor prefeito deve ser revista. Ele tem que se cercar de pessoas aptas a elaborar essas mudanças da forma mais técnica e impessoal possível.

JOSE FLAVIO disse...

Gostaria de informar ao nobre colega Marcos que não se trata de revisão do Plano, mas sim de uma nova Lei cuja elaboração teve a participação efetiva do ex-presidente do SINTESPA Dr. Cristiano, que atualmente ocupa a Sub Procuradoria Geral do Município, com grande cotação para assumir outro cargo importante no âmbito do "novo modelo". No mais, tenho a dizer que a fila anda e os interesses pessoais também.

Anônimo disse...

O que tudo indica o funcionário não vai ter a revisão do seu plano de cargos e salários, no entanto, se por um lado os funcionários não vão receber aumento salarial do governo municipal por outro já começaram a receber aumento de pressão no ambiente de trabalho, como no caso da dengue.
A coordenadora Melissa marcou uma reunião com todos os supervisores e deu o tom ditatorial no trabalho para 2012. Sob ameaças da coordenadora, a categoria pode sofrer com as sujeições impostas como convocação obrigatório para trabalho aos sábados, e um rígido controle de horário para os agentes de campo. Isso tudo ainda acontece num momento importante para a cidade, já que é ano de eleições municipais.
Como foram incompetentes no ano de 2011, onde não conseguiram organizar o trabalho fechando o ano em deficit nas atividades, volta-se agora contra os funcionários.

Antônia Arruda disse...

Será que este ano o Prefeito e secret[ario de Adminitração não vão SE EQUIVOCAR COM O AUMENTO DO MÍNIMO NO PROXIMO MÊS, porque ano passado não pagaram o mínmo correto no pg de fevereiro e depois ainda perseguirão os fkuncionários que foram até o PALÁCIO RECLAMAR, ACHO QUE VOU ENVIAR CÓPIA DO DIÁRIO OFICIAL PARA AMBOS QUKEM SABE DESTA FORMA ELES SE "LEMBRAM".Não estou mais na prefeitura, porém gostaria que ela fosse moralizada pois como está dá ate.........

Aline disse...

A respeito do seu comentário, "Anonimo",concordo plenamente estou afastada do cargo,mas sei que todo inicio de ano é a pressão de sempre, em contra partida não recebemos nada em troca nem o reconhecimento pelo nosso trabalho.Em uma palestra há 2 anos voltada para os agentes da dengue ouvi da psicóloga, que não deveríamos buscar reconhecimento e sim realizar nosso trabalho e quem não estivesse satisfeito pois que procurasse outros meios.Pode algo como isso? O minimo é o reconhecimento e uma das formas de fazer isso seria através da revisão desse Plano,vejo que está ficando para trás e que não fiz mal em ouvir o conselho de tal psicóloga e sair a tempo.

Anônimo disse...

Tambem como querem que a Dengue esteja bem?
Com o nivel de coordenadoras que elegeram,nao tem como, é um despreparo total , coordenadoras sem conhecimento algum do trabalho a que foram confiadas e alguns servidores que ficam atras puxando o saco pra nao sairem de algumas regaliazinhas que conseguiram...

Anônimo disse...

Funcionário não quer trabalhar coisa nenhuma! Estes planos só serve pra aumentar o salario dos amigos do Tiãozim.

Anônimo disse...

Apenas mais um prejudicado
Sobre a Dengue, friso muito bem sobre a Coordenação, a meu ver acho(tenho certeza) que a Srta melissa deveria jogar o chapéu e ir embora, pois é mais dígno reconhecer a sua enorme incompetência e pedir para sair,assim vamos ter certeza que ela é só imcompetente e talvez até não seja tão burra como parece.

MARIA ISABEL disse...

QUERIDO ANÔNIMO O PLANO DE CARGOS E SALARIOS E DE TODOS OS FUNCIONARIOS DA PREFEITURA ENTÃO SE NÃO SABE O O TIÂOZINHO SÓ LUTA PARA QUE SE TENHA SALARIOS JUSTOS PARA O SERVIDOR.