sábado, 10 de dezembro de 2011

O hilário Correio II

Abre aspas novamente para a coluna Em Foco:

"O CORREIO

Movido pela mais firme determinação de divulgar as ações do Poder Público, especialmente, do Governo Municipal, vista sua condição de Jornal de interior, com enfoque nas questões locais, o CORREIO já foi severamente criticado sob a acusação de favorecer o Governo do Prefeito Marcos Coelho e do Vice-Prefeito Juberson dos Santos Melo, o que é absolutamente lamentável, pois não o faz, mas, caso o quisesse, teria absoluto direito de fazê-lo, exercendo o mais legítimo direito a liberdade de pensamento e expressão."

Pitaco do Blog
Já falamos aqui. As ligações entre a Prefeitura e o "jornal" são muito estranhas. Inclusive já questionamos os gastos do município nesse periódico em uma denúncia feita ao Tribunal de Contas do Estado. Provamos que o espaço utilizado para publicar uma nota da Prefeitura era suficiente para publicar duas ou três. Vale dizer, como o preço da publicação é calculado pelo centímetro de coluna, a Prefeitura estava simplesmente jogando dinheiro "fora" ao comprar largos espaços desse "jornal". Questionamos, ainda, uma das licitações feitas para publicação de matérias oficiais. Algumas condições do edital acabavam direcionando o certame justamente para o Correio.
O colunista que me perdoe, mas o que vemos no "jornal" não tem nada a ver com liberdade de expressão. Temos, isto sim, um órgão de imprensa parcial deixando-se utilizar pelo poder político para fins escusos. E quem paga a conta, como sempre, somos nós.

2 comentários:

Aristeu disse...

Tudo isto seria a mais legitimadora liberdade de imprensa desde que não remunerado.

Anônimo disse...

Nao sei onde "O CORREIO" arruma tantas obras e noticias boas pra publicar desse novo modelo.. deve tá usando o oculos 3D da Teresa Griep.