quinta-feira, 22 de dezembro de 2011

Desabafo de uma avó

O site Patos Hoje traz reportagem sobre a grávida de trigêmios que, por falta de UTI neonatal na rede de saúde de Araguari, teve que ser transferida para Patos de Minas, onde foi realizado o parto.
Extrai da notícia, para reflexão dos leitores, dois depoimentos da avó das crianças:
"Se não fosse aqui, nessa hora eu estaria velando a minha filha e os meus netos.”
“Ele (o médico) disse que tinha que eliminar um dos meninos e eu falei para ele que os meus netos não eram bicho para serem eliminados."
Clique aqui e leia a reportagem completa.

2 comentários:

Aristeu disse...

O médico não teria dito que parto somente através de liminar? Eliminar ou liminar? No desespero a gente pode entender diferente. (Deve ser mais ou menos assim a nota da Santa Casa)

Dilson Martins disse...

Planejamento...Falemos do projeto do governo para a área da saúde. Podem começar!