sexta-feira, 30 de setembro de 2011

MAMATA NA PROCURADORIA DO MUNICÍPIO


Vereadores autorizam remanejamento de dotações para Faec e Procuradoria-Geral do municípioEscrito por Sávia de Lima
Na última terça-feira, dia 27, a Câmara Municipal de Araguari aprovou seis projetos de lei, quatro deles autorizando o município a realizar suplementação de dotações orçamentárias. No total, foi autorizado o remanejamento de mais de R$ 630 mil mediante anulação parcial de dotações da Procuradoria-Geral do município e da secretaria municipal de Saúde em favor da Fundação Araguarina de Educação e Cultura – Faec.
De acordo com o projeto de lei 158/11, é necessário anular parcialmente a dotação destinada às sentenças judiciais a fim de suplementar a dotação referente aos vencimentos e vantagens fixas, uma vez que o saldo constante da mesma é insuficiente para empenhar despesas desta natureza. Assim, somente neste caso, haverá suplementação na ordem de R$ 372 mil. Desta mesma dotação (sentenças judiciais), serão anulados outros R$ 26.800 para suplementar o pagamento de despesas relativas a serviços de terceiros prestados por pessoa jurídica (R$6.800) e por pessoa física (R$ 20 mil).
Leia o restante da reportagem no Gazeta do Triângulo.

Pitaco do Blog
Resumindo essa parte da notícia. A Procuradoria vai gastar mais com salários e com serviços de terceiros. Isso quer dizer que os procuradores tiveram aumento de salário recentemente e que esses gastos não estavam previstos originalmente no orçamento. Isso é ilegal. Além disso, pode-se afirmar que a Procuradoria está gastando mais com a prestação de serviços terceirizados. Provavelmente, o aumento destina-se a pagar escritórios de advocacia contratados para fazer a defesa do município em Belo Horizonte e Brasília. São contratações ilegais, na medida em que foram feitas sem licitação para a prestação de serviços comuns de advocacia, que poderiam ser feitos pelos próprios advogados públicos.
Concluindo, a notícia pode ser assim traduzida: os procuradores municipais estão trabalhando menos e ganhando mais. No popular: MAMATA.

6 comentários:

Aristeu disse...

Estão ganhando pra fiscalizar e, de repente, nem isto fazem.

Ianis disse...

UBERLÂNDIA-MG, 30 de setembro de 2011

Prezado DR.Marcos,

Neófito em ( m o r o s o ) processo de evolução ( RESPEITOSAMENTE ) questiona:

- Este tema é jurisdição da OAB local ?!

Né não, né ?! ( sic )

Coisa Pública Araguarina...

#hakunaMAMAta

Atenciosamente,
Janis Peters Grants.

Ianis disse...

Ah! DR.Aristeu, se possível, tenha a bondade em auxiliar este curioso...

#maisRiosoDoQue...

Atenciosamente,
Janis Peters Grants.

Anônimo disse...

Quanto à procuradoria Vocês não sabem as armadilhas que estão na nova legislação de cargos e carreiras. Nele os procuradores e pessoas ligadas aos mesmos serão diretamente beneficiadas. Existe um procurador (empregado público em exercício de cargo em comissão) que pretende num futuro próximo mudar de "lotação" ou "readaptar" no serviço público sem concurso público e mais sua pretensão é aposentar-se pelos cofres municipais. Durmam com um barulhe desse. Ainda há outras preciosidades que são contrárias à moralidade e ao uso consciente do sofrido dinheiro público.

garliene arts disse...

Se são contratações ilegais, porque ainda estão ilegais?? Aqui na terra do faz de conta , tudo pode .....Só não pode dar uma condição melhor pros Bairros que estão carentes do olhar do governo Municipal . Os Doutores tinha que dar o Exemplo possitivo e não FICAR NA MAMATA . Isto é o novo modelo ???

Anônimo disse...

"...foi autorizado o remanejamento de mais de R$ 630 mil mediante anulação parcial de dotações da Procuradoria-Geral do
município e da secretaria municipal de Saúde..."

Mais um golpe de morte contra o SUS.

Se era esta a "revolução" prometida na Saúde Pública do município, com certeza a população não agradece.

Aguardemos os discursos piegas de campanha, em favor de MELHORIAS NA SAÚDE...

EDILVO MOTA
Araguarino genérico