sábado, 20 de agosto de 2011

Precariedade no transporte de pacientes com câncer é motivo de denúncia

Todos os dias, pacientes da cidade de Araguari precisam se deslocar até Uberlândia para realizar o tratamento no Hospital do Câncer, em ônibus disponibilizados pela prefeitura. No entanto, o trajeto é mais um transtorno com o qual eles e seus acompanhantes precisar lidar devido às más condições dos veículos.
A sujeira do ônibus impressiona; bancos rasgados e quebrados, com o banheiro desativado. Não há como ir sem deixar de sentir o incômodo da viagem. Cadeirantes são privados de qualquer tipo de acessibilidade. Os efeitos da radioterapia são diarréia e bexiga solta, e quem passa pela quimioterapia absorve uma grande quantidade de líquido e sente enjôo. A situação é precária. “A pessoa tem de vir passando mal e vomitar por todo o chão do ônibus,” conta a acompanhante de um paciente.


.
Em condições precárias, pacientes com câncer
viajam à Uberlândia em busca de tratamento

As terças, quintas e sextas, crianças que fazem tratamento na AACD também utilizam o transporte. Além de lotado, o ônibus é antigo, e conforme relatou a acompanhante, frequentemente apresenta defeito mecânico sendo substituído por outro igual ou pior. “Os doentes acham que estão sendo privilegiados com essa ajuda da prefeitura e não reclamam com medo de perder o direito de ir ao tratamento todos os dias. Mas sei que isso não é verdade, temos sim o direito a algo melhor, pois desse jeito eles só irão piorar,” desabafou.
A reportagem da Gazeta do Triângulo entrou em contato com a secretária de Saúde, Iara Borges. Segundo ela, algumas soluções são estudadas para resolver a situação, através da aquisição de ônibus e microônibus ou aluguel de vans. “Tentamos viabilizar, mas temos que lidar com barreiras como dotação orçamentária, terceirização de serviços,” disse.
Conforme explicou Iara Borges, os ônibus da prefeitura são emprestados para a Saúde e utilizados no fim de semana para transporte de esportistas e outros. “Como ele não fica na secretaria e precisa rodar todos os dias, essa questão de limpeza é delicada.”.
De acordo com a assessoria técnica da secretaria, a prefeitura não dispõe de verbas para as aquisições, e por isso várias solicitações na tentativa de conseguir os veículos foram enviadas às esferas federal e estadual, recebidas inclusive pelos deputados Gilmar Machado (PT), Paulo Piau (PMDB) e Eros Biondini (PHS).

Transcrito do jornal Gazeta do Triângulo, edição de 20/08/2011

Pitaco do blog
Fiz questão de postar essa notícia do Gazeta logo após a outra, que fala do aumento dos salários dos vereadores e servidores da Câmara de Vereadores. Comparando as duas, é possível perceber o quanto é inconveniente e inoportuno aumentar os subsídios dos senhores vereadores no mesmo momento em que a saúde pública araguarina agoniza. Na verdade, nossos políticos vivem em outro mundo. Tomara que não sofram de câncer e, se sofrerem, rezo para que tenham um bom plano de saúde ou, como sempre, consigam "furar" alguma fila do SUS.
Sobre os problemas de transporte de pacientes, a reportagem retrata bem a gravidade da situação. Em contacto com a assessoria da Secretaria de Saúde, fui informado de que, a cada semana, surgem, em média, sete casos de câncer em Araguari. Como, em regra, o tratamento desses pacientes é feito na cidade de Uberlândia, torna-se essencial que o município tenha veículos aptos a transportá-los com segurança e conforto até a vizinha cidade.
Corroborando a notícia do jornal, recebi a informação de que diversas tentativas de obtenção dos veículos estão sendo feitas junto a parlamentares da região. Contudo, até o momento essas tratativas não produziram o resultado esperado. Daí, o quadro atual.
É justamente por causa desse tipo de problema que defendemos uma postura mais proativa do senhor prefeito na área da saúde pública. Não se pode mais assistir a fatos tão dramáticos sem esboçar qualquer reação. Publicidade não cura câncer, senhor prefeito. A saúde pública deve ser a principal prioridade entre as agendas de governo. O chefe do Executivo tem o dever de atuar ao lado da Secretaria de Saúde, dotando-a de recursos orçamentários e financeiros suficientes, sanando deficiências estruturais e cobrando resultados efetivos.
A saúde é o bem mais sagrado do ser humano. A falta dela fragiliza a todos, indistintamente. Assim, mesmo sendo descompromissados com o interesse da sociedade, alguns gestores públicos deveriam se lembrar dos ensinamentos cristãos para ajudar os seus irmãos. Se não querem seguir a Constituição Federal, que assegura a todos o direito à saúde, que pelo menos se lembrem da existência de uma Lei Divina, da qual não ninguém escapa.

25 comentários:

Aristeu disse...

Vai ver eles gostam mesmo é de usar o rabecão.

Iconoclasta disse...

E a justificativa da Analfabeta Política, "algumas soluções estão sendo estudadas". Lamentavél!
Já estamos caminhando para o último ano dessa horrorosa administração, e soluções continuam sendo estudadas.
Esse povo só trabalha no limiar das possibilidades, vc não vê nada de concreto.

Anônimo disse...

Um desabafo da Secretária de Saúde e a verdade dos fatos:
"Tentamos viabilizar, mas temos que lidar com barreiras como dotação orçamentária, terceirização de serviços,” disse.
Conforme explicou Iara Borges, os ônibus da prefeitura são emprestados para a Saúde e utilizados no fim de semana para transporte de esportistas e outros. “Como ele não fica na secretaria e precisa rodar todos os dias, essa questão de limpeza é delicada.”.
Não é só a questão de limpeza que é delicada, justifica se que é dotação orçamentaria, que a Secretaria de Saúde não dispõe de veículos próprios para deslocar os pacientes para tratamento, onde estão as pessoas responsáveis por projetos que trariam recursos para tal? E dotação orçamentária como resolver essa questão, falta planejamento? E a Secretaria de Planejamento nunca funciona? Serve só para cabide de emprego? Sera que é mais importante os esportistas prefeito do que os doentes que necessitam do serviço? A Iara não tem culpa gente, como vcs veem ela tenta.
Enquanto isso a secretaria de saúde é que leva má fama. Põe os outros secretários pra trabalhar prefeito.

Anônimo disse...

Agora imagina o desconforto dessas pessoas, além do mal estar provocado pelos rémedios e a quimoterapia, ainda fazem uma viagem num ônibus sujo, com poltronas danificadas que prejudicam em muito na acomodação dos pacientes aumentando ainda mais a sensação de mal estar. E para piorar mais ainda o banheiro está desativado.
O câncer da nossa cidade se chama "Novo Modelo".

Iconoclasta disse...

A Iara não tem culpa mesmo não, a culpa é do Glaucio.
Faça-me o favor! Essa Analfabeta Política só vem justificar os fatos depois que eles são expostos na imprensa. Depois disso fazem uma reunião fechada e orquestram o que vão dizer na imprensa. Acham que somos idiotas em acreditar que estão estudando alguma eficácia?! O governo está acabando e até hj não tiveram competência para viabilizar nada, esse caso do ônibus é mais um elemento podre nessa pasta. Talvez se a CLI na saúde não tivesse sido engavetada muita coisa poderia ter sido mudada.
ASSUMEM SUAS RESPONSABILIDADES! BANDOS!!!

Anônimo disse...

Esses vereadores tbem tudo sangue suga da saude e não faz nada pra ajudar só pensam neles mesmo. O corja.

Anônimo disse...

calma gente q a Mirian explica

Anônimo disse...

A Mirian só explica a máfia da Home Care!!! kkkk

Ianis disse...

UBERLÂNDIA-MG, 20 de agosto de 2011.

Prezado Marcos,

Resistí em postar algo aqui... MAS, NÃO DEVO!

Existe Tratamento Oncológico Privado em Araguari ?!

Sei que curiosidade mata. CÂNCER também !!!

Atenciosamente,
Janis Peters Grants.

Anônimo disse...

"Conforme explicou Iara Borges, os ônibus da prefeitura são emprestados para a Saúde e utilizados no fim de semana para transporte de esportistas e outros. “Como ele não fica na secretaria e precisa rodar todos os dias, essa questão de limpeza é delicada.”

Quando fui secretário, jamais permiti a utilização da frota sanitária (veículos da Secretaria Municipal de Saúde) para outra finalidade que não fosse o interesse do SUS. Mesmo ante a pressão de outros secretários, vereadores ou o próprio prefeito, minha resposta era sempre a mesma: NÃO !

A (confusa) declaração da atual secretária (na verdade, mera preposta de quem manda, de verdade) dá a entender que o ônibus da SMS é utilizado nos finais de semana para transportar desportistas.

Caso confirmado, isto configura uma flagrante irregularidade e explica (mas não justifica) a depredação do veículo e o tratamento desumano com pacientes oncológicos.

Para episódios iguais a este (e são muitos!) sugiro que, ao invés de explicações estapafúrdias, desconexas e insanas, mantenham silêncio. Nossa inteligência merece respeito.

EDILVO MOTA
Araguarino genérico
Membro do grupo "A CULPA É DO FOTÓGRAFO"

Anônimo disse...

Isso mesmo Edilvo, não só nossa inteligência merece respeito, os pacientes merecem e devem ser respeitados por todos. Se houve flagrante de irregularidade, alguém tem que fazer alguma coisa e rápido. E agora prefeito como fica essa situação???
Pelo jeito a secretária de saúde deixou o prefeito numa saia justa, alguem se habilita a fazer a denuncia e ai...
Que pais é esse!!! Afffffff

Anônimo disse...

A mentalidade que permeia no meio deve ser essa: Pode deixar cair alimento no interior do ônibus, deixar cair refrigerante, rasgar o estofado,forçar a posição da poltrona até ficar do seu jeito, não importe se ela quebrar, pois quem usa esse ônibus todos os dias da semana é aquele povo com câncer com dificuldades para sobreviver. Aproveite!!!

Anônimo disse...

Vamos diminuir os cargos de confiança, as gratificaçoes, os salarios desses diretores que nao fazem nada e investir na saude desse povo sofrido, que falta de humanidade, cancer pode estar presente na vida de todos, cuidaddo bando de ladroes.

Anônimo disse...

Prefeito por favor e por amor, cuida com carinho da saude de Araguari,ta muito precaria, um lixo, transforma a saude como transformou ruas de pedras em asfalto, o povo ta morrendo. socorro

Iconoclasta disse...

Como assim por amor?... Vc não leu a matéria em que mostra como esse caudilho trata os seus funcionários na sua fazenda? É o tipico escravocrata, coronel, ruralista, latifundiário isto é, a encarnação de todos os elementos mais retrogrados e cruéis da nossa história.
Coitados daqueles trabalhadores da zona rural, são ludibriados por esses coronéis a trabalharem sem nenhuma garantia, principalmente para a sua própria saúde, sabemos que os sintomas desses inseticidas e pesticidas no organismo demoram algum tempo para aparecerem. Sei de casos em que a pessoa apodreceu por dentro e outras que desenvolveram tumores fatais por trabalharem expostos a esses venenos. Mas o único técnico do trabalho que foi ao local, infelizmente não foi no intuito de orientá-los e sim de buscar proteger a amenizar o lado do coronel. Então...

Anônimo disse...

Na Segunda Guerra Mundial, o governo americano foi menos cruel que o Novo Modelo: jogou logo 2 bombas atômicas no Japão!!!!

garliene arts disse...

Esta foto acima choca só de ver e saber que cidadãos que requer cuidados especiais e que necessita de transporte pra ir fazer tratamento médico , tem que se submeter a tamanho desmazelo.

E A CULPA É DO FOTOGRAFO????

Anônimo disse...

Com o dinheiro que algumas pessoas da Secretaria de saúde vem afanando com fisioterapias Hospitalares, poderia conserta esse ônibus.

Anônimo disse...

Mas a nossa analfabeta política não vai querer arrumar ou melhorar mais nada não ali dentro, pois dizem as boa línguas na secretaria de saúde que a partir dessa semana, ela foi convidada a pedir demissão. Se for verdade que bom!! Agora faltam os piores Iolanda Coelho e Eupenides... ai sim Araguari estará livre do mal que nossa saúde tem á 3 anos.

Anônimo disse...

OS EMPRESÁRIOS QUE TRABALHAM COM FERRO VELHO ESTÃO ABANDONANDO A ATIVIDADE PRIVADA. TAL SITUAÇÃO ESTÁ NA ADOÇÃO PELA "NOVO MODELO DE ADMINISTRAÇÃO" DA ESTATIZAÇÃO DOS SERVIÇOS DE DESTINAÇÃO DOS VEÍCULOS IMPRESTÁVEIS. INICIALMENTE VIERAM OS CARROS, CAMINHÕES E ONIBUS (SUCATAS) GENTILMENTE DOADOS ATRAVÉS DE UMA BOA AÇÃO DO ARAGUARINO LOTADO NO MINISTÉRIO DA PREVIDÊNCIA. DEPOIS O SECRETÁRIO M. DE OBRAS DECLAROU EM ENTREVISTA EM UMA EMISSORA QUE A PASSARELA QUE SERÁ MONTADA SOBRE OS TRILHOS PASSAGEM PARA O B. VIENO ESTAVA ABANDONADA EM ALGUM LUGAR PELO DER-MG, OUTRA SUCATA. E POR ÚLTIMO RECEBEMOS OUTRA BENESSE, DESTA VEZ REPRESENTADA POR ALGUMAS VIATURAS POLICIAIS QUE NÃO SERVIAM MAIS PARA UBERLÂNDIA (MAIS SUCATAS), AS QUAIS FORAM GENTILMENTE CEDIDAS PARA O 53º BATALHÃO DA PMMG COM SEDE EM ARAGUARI.SÓ FALTA O "NOVO MODELO DE ADMINISTRAÇÃO" COMEÇAR A PUBLICAR QUE OS PRÉDIOS CONSTRUÍDOS POR ELES SÃO ECOLÓGICOS, OU SEJA, FEITOS COM OS RESTOS DAS CONSTRUÇÕES DAS OUTRAS CIDADES.

Anônimo disse...

SE ANALISAREM BEM A FOTO INTERNA DO ONIBUS, VERÃO QUE É A CARA DO ADMINISTRADOR-MOR, POIS DE VEZ EM QUANDO ELE APARECE NA PREFEITURA DIRIGINDO EM FIAT 147 RETIRADO DA SUCATA.

Anônimo disse...

Araguari conta com unidade do Centro Oncológico do Triângulo Mineiro
Qua, 24 de Agosto de 2011 06:46

Da Redação - Grande conquista para a área da
Saúde em Araguari, o início da construção de uma unidade do Centro Oncológico do Triângulo Mineiro (COT) foi anunciado ontem pelo vice-prefeito Juberson dos Santos Melo (PSL). Ele afirmou que a iniciativa se deve em virtude do aniversário da cidade, e por isso, a direção do centro também escolheu uma construtora local, que será a João de Barro, para executar a edificação.

A obra é orçada em torno de R$ 1 milhão e 800 mil, e irá gerar de 25 a 30 empregos. O início dos trabalhos está previsto para a próxima segunda-feira, 29, numa área localizada na rua Cecília Schuartzman , no bairro Sibipiruna, de aproximadamente 2.200 m² , adquirida em nome do COT. A previsão média para construção é de seis a nove meses, segundo o vice-prefeito.

A idéia é montar uma estrutura para oferecer além de bem estar, todo o conforto possível e um tratamento especializado ao paciente não só de Araguari, mas também da região. A equipe médica oncológica altamente capacitada que prestará todo atendimento é a mesma responsável pelo Centro Oncológico de Uberlândia. Os médicos que fazem parte do COT são Glauco Silveira, Rodolfo Gadia, Rogério Araújo, Valéria Lopes e Zaira Medeiros.

A capacidade é de seis pacientes por dia para tratamento de quimioterapia e posteriormente radioterapia. Casos de câncer infantil, leucemias e linfomas continuarão sendo atendidos em Uberlândia.

Para o vice-prefeito, essa é uma conquista social que direta ou indiretamente beneficia muitas pessoas. ”Esse atendimento será importante não só para araguarinos, mas também para quem é de Monte Carmelo, Cascalho Rico, Estrela do Sul, Tupaciguara, que virá para os tratamentos, movimentando hotéis, restaurantes. Conseguimos dar dinamismo a situação, diminuindo burocracias. O COT vem de encontro a um momento positivo que a cidade está vivendo,” concluiu.

Anônimo disse...

pelo SUS ?

Ianis disse...

UBERLÂNDIA-MG, 1. de setembro de 2011.

Prezados Srs.,

(...)
Existe Tratamento Oncológico Privado em Araguari ?!
(...)

Fonte da Resposta:
http://www.correiodearaguari.com/correio/index.php?option=com_content&task=view&id=4605&Itemid=29

Muito obrigado.

EM TEMPO:

(...)
Casos de câncer infantil, leucemias e linfomas continuarão sendo atendidos em Uberlândia.
(...)

Atenciosamente,
Janis Peters Grants.

Anônimo disse...

ha alguem ai que vejam com bons olhos coisas que nosso querido prefeito tenha feito para nossa querida araguari alem de enxergar as coisas com olhos crueis de criticas?acho que não- pois que não em encontrei nenhum- aprendam a reconhecer o lado bom das coisas minha gente ainda é tempo.e fique em paz .