segunda-feira, 9 de maio de 2011

O "Novo Modelo de Tributação" e as mentiras sobre as taxas

Araguari arrecada mais taxas do que Ituiutaba e Araxá juntas e 50% a mais que Patos de Minas.


É comum os mentirosos (são muitos) do Novo Modelo de Tributação afirmarem que a receita do IPTU de Araguari é muito baixa. Costumam, inclusive, comparar essa receita com a de outras cidades de porte semelhante.
Isso é, no máximo, uma meia-verdade. É que o IPTU não é a única fonte de arrecadação dos municípios. Em Araguari, por exemplo, os tributos que vêm experimentando o maior crescimento de receita nos últimos anos são, sem dúvida, as taxas. Aqui, estranhamente, a receita com as taxas suplanta a do IPTU. Entre elas, destacam-se, por óbvio, as taxas de serviços urbanos (limpeza, conservação, etc.), que são repassadas pelo município às empreiteiras.
Já que esses mentirosos gostam de comparações, vamos fazer algumas para retirar-lhes a máscara.
No ano de 2009 (último disponível no site do Tribunal de Contas do Estado), Araguari arrecadou com taxas a importância de R$ 3.383.347,64. Enquanto isso, cidades de porte semelhante, como Araxá e Ituiutaba, arrecadaram, respectivamente, R$ 1.457.326,97 e R$ 204.631,38. Pode-se afirmar, então, que a soma das taxas cobradas por Araxá e Ituiutaba corresponde a menos da metade do que é arrecadado por Araguari.
Ainda em 2009, Patos de Minas, cidade com 30 mil habitantes a mais que Araguari, arrecadou R$ 2.209.392,26 com taxas. Vale dizer: a receita daquele município (Patos de Minas) corresponde a apenas 65% do que Araguari arrecadou com esse tributo.
Essas informações, obviamente, não são divulgadas pelo Novo Modelo de Tributação. Isso porque, em vez de justificar o aumento de tributos empurrado goela abaixo da população, esses dados servem, isto sim, para demonstrar o crescimento injustificado da receitas oriundas das taxas municipais.

2 comentários:

Aristeu disse...

Não tem comparação. Nosso governo é o pior!

Odete disse...

Prezados:
Acabo de saber que os vereadores de oposição ganharam na justiça e o IPTU foi considerado irregular. Agora a Prefeitura irá recorrer.