terça-feira, 3 de maio de 2011

Jogando dinheiro fora

Com 6 meses de atraso, o Prefeito tenta, em vão, explicar os motivos do aumento do IPTU. Diz ele que o acréscimo é necessário para que o município possa realizar obras.
A questão poderia ser vista por ângulo. Se considerarmos a quantidade de recursos de ajustes firmados com a União que estão sendo perdidos por incompetência da Prefeitura, a conclusão é outra. É possível entender que a Prefeitura está nadando em dinheiro a ponto de desperdiçar recursos federais já liberados para a cidade.
O caso da cozinha comunitária é um belo exemplo disso. Vejam abaixo que foram liberados, mediante convênio, 350 mil reais para construção de uma cozinha comunitária no município. Contudo, por causa da omissão do novo modelo de administração, os recursos foram simplesmente perdidos. Ora, se não queria construir a cozinha comunitária, para que perder tempo e dinheiro firmando convênios com a União?
O site da Controladoria-Geral da União demonstra a liberação dos
recursos que, contudo, foram perdidos por causa da inércia da Prefeitura.

4 comentários:

Ianis disse...

UBERLÂNDIA-MG, 3 de maio de 2011.

Prezado Marcos,

Salvo entendimento equivocado, creio que tudo que demanda de uma CONTRAPARTIDA é considerado inviável pelos Ge$tore$ da (des)integralização...

E trantando-se de cozinhar em fogo brando, mantém-se toda uma Comunidade em banho-maria há tempos. Ah... e é na lenha! De eucaliptos.

Atenciosamente,
Janis Peters Grants.

Marcos disse...

Verdade, Janis. A desculpa deve ser mesmo a tal da contrapartida. Se a Prefeitura não tem recursos nem competência para firmar convênios, é melhor desistir e fechar as portas.

Aristeu disse...

Se governo federal dá a cozinha com certeza quer banquete o ano todo...

Ianis disse...

UBERLÂNDIA-MG, 4 de maio de 2011.

Prezados Srs.,

(...)
Que não se esqueça, que em passado recente a Prefeitura teve que devolver verbas para o Governo do Estado por não ter dinheiro para pagar pequenas contrapartidas, em geral, na ordem de dez por cento do repasse feito pelo Estado.
(...)

Fonte de mais peças para o quebra-cabeças:

http://www.correiodearaguari.com/correio/index.php?option=com_content&task=view&id=4012&Itemid=29

PARAÍSO FISCAL?! Paraíso completo!

Afinal, VIVER AÍ É BOM DEMAIS ... ( sniff )

Atenciosamente,
Janis Peters Grants.