quinta-feira, 19 de maio de 2011

Câmara aprova reposição salarial para servidores municipais

Perdas inflacionárias de 2009 (4,11%) serão pagas retroativamente a abril último  -  Perdas de 2010 (6,46%) serão pagas a partir de setembro de 2011
 
A Câmara Municipal aprovou projeto de lei que concede “aumento salarial” aos servidores municipais da administração direta e indireta, através da reposição de perdas inflacionárias do ano de 2009, no montante de 4,11% sobre a competência de abril de 2011, e de 2010, no montante de 6,46% sobre a competência de setembro de 2011. O “aumento” não contempla os servidores que tiveram reajustes por força do salário mínimo, os quais não tiveram “perda inflacionária”, bem como os professores, que também não tiveram perdas inflacionárias por força da implantação do piso nacional salarial dos professores.
(...)
O projeto de lei foi aprovado por unanimidade, sem emendas, mas ainda não foi sancionado pelo Prefeito. 
 Transcrito do Correio de Araguari, 19/05/2011 

Pitaco do Blog
Essa lei, se sancionada pelo Prefeito, irá corrigir uma parte das perdas salariais dos funcionários públicos municipais. Ao contrário do que afirmaria o Seu Creisson, os pobremas da categoria ainda não se acabaram-se. Falta muito para que possamos dizer que o município de Araguari está realmente dando um tratamento justo aos funcionários efetivos.
Assim, espera-se que os funcionários públicos permaneçam mobilizados não somente na busca de melhores condições de trabalho, mas também na fiscalização da máquina pública.

3 comentários:

Iconoclasta disse...

Antes que algum aventureiro desmiolado pró-novo modelo venha aqui vomitar asneira, temos que deixar bastante claro que isso não é AUMENTO SALARIAL, apenas REPOSIÇÃO DE PERDAS. No entanto apenas uma parcela de funcionários vai ser contemplada com a correção.

Aumento salarial apenas é possivel na REVISÃO DO PLANO DE CARGOS E SALARIOS levando-se em consideração as particularidades de cada categoria.

Para esclarecer,esses servidores que sofreram perdas salariais bastava ingressar na justiça para requerer o direito. ENTÃO SENHOR PREFEITO, ISSO NÃO É UM GESTO DE CARIDADE DA ADMINISTRAÇÃO, É UM DIREITO DESSES FUNCIONÁRIOS.

Mas por que o governo municipal interessou em reajustar essa perda apenas agora?
Devemos entender da seguinte forma; após a pressão dos funcionários por meio de passeatas e até paralisação do serviço, o prefeito busca agora limpar sua imagem não com os funcionários, pois estes sabem que o reajuste não beneficiará a todos e ainda sendo um direito o seu valor é muito abaixo da expectativa de aumento real dos salarios, mas com a população por meio de uma propaganda mentirosa como está sainda na impressa tanto escrita quanto nas emissoras de rádio que o aumento é para todos os funcionários.
E outra fato interessante é que dando esse reajuste uma parcela dos funcionários perde o ímpeto da luta com os outros servidores, há uma quebra e conseguinte desarmonia na luta. Os professores com o piso nacional faz parte desse esquema que enfraquece a luta dos funcionários.

Colenghi disse...

Frizando o post do ICONOCLASTA:
APENAS UMA PARCELA MíNiMA DO FUNCIONALISMO SERÁ "BENEFICIADA" COM ESTA ESMOLA.Uma parcela ínfima! Aqueles que o salário base desde 2008 caiu no mínimo, nada recxeberam, ou seja, 80% do funcionalismo. Engodo de novo.

Anônimo disse...

Implantação do Piso Nacional para os professores? Se isso resultou em ganho salarial, então meu contracheque está faltando reais...Visitem essa página no youtube e vejam a realidade da educação pública no Brasil. Em Araguari, sem comentários.

http://www.youtube.com/watch?v=yFkt0O7lceA&feature=player_embedded