quarta-feira, 30 de março de 2011

Relatório da CLI pede a cassação do prefeito


Vereadores de Araguari apresentam relatório que pede a cassação do prefeito
Verbas de um programa de saúde do Governo Federal estariam sendo utilizadas de maneira irregular em Araguari, no Triângulo Mineiro. Os vereadores de oposição afirmam que o prefeito está gerindo mal os recursos e um relatório pede a cassação do mandato do Executivo Municipal.

Araguari é um dos municípios atendidos pelo Tratamento Fora do Domicílio (TFD), um programa que garante atendimento de saúde em outras cidades para pacientes de municípios onde o tratamento solicitado não está disponível. As despesas com transporte e alimentação são pagas pela prefeitura com verba do Governo Federal.
A Câmara Municipal de Araguari tem 11 vereadores, quatro são da oposição e dois deles apresentaram um relatório feito por uma Comissão Legislativa de Inquérito questionando a forma como a verba federal é acessada pela prefeitura. Os nomes de funcionários da própria administração estariam sendo utilizados para sacar o dinheiro que depois é repassado aos pacientes.
De acordo com o vereador de oposição, Sebastião Joaquim Vieira, a forma como o recurso está sendo repassado não está correta e por isso a investigação foi solicitada.
O relatório de 36 páginas mostra que só em nome de uma funcionária foram sacados R$ 217 mil.
Diante dos fatos, a oposição fala até em um processo de cassação do prefeito, mesmo sendo minoria na câmara.
O caso agora deve ser analisado por autoridades federais. A Comissão Legislativa de Inquérito enviou uma cópia do relatório feito em Araguari para órgãos como o Tribunal de Contas da União, Ministério Público e até Polícia Federal.
O prefeito de Araguari, Marcos Coelho, afirma ser vítima de perseguição política. Ele afirma que o procedimento é normal, mas que outras formas de acesso às verbas podem ser estudadas. Transcrito do site da Band Triângulo (clique aqui para ler direto na fonte)

Pitaco do blog
Este é o tema da moda em Araguari. O certo, até o momento, é que dois integrantes da Comissão Legislativa de Inquérito da Câmara pediram, entre outras medidas, a cassação do prefeito Marcos Coelho por supostamente ter praticado infração político-administrativa.
A questão ainda vai render muitas discussões. A começar pela postura do vereador Tibazinho, que afirmou não ter sido convidado para participar das reuniões da CLI, pedindo prazo para se manifestar sobre o relatório. Na verdade, todos os demais vereadores terão oportunidade de estudar o assunto e sobre ele deliberar, autorizando ou não  a criação da comissão processante.
Por fim, importa dizer que tudo que está acontecendo não é culpa da alegada "perseguição política". Foi o próprio governo Marcos Coelho o responsável por essa situação. São esses os frutos que colhem aqueles optam por tentar esconder sujeira embaixo do tapete, deixando de apurar as claras irregularidades que estão ocorrendo em alguns setores do governo. Aliás, os frutos são ainda piores quando se faz opção pela arrogância e pela falta de diálogo com a sociedade.
Estou fazendo uma leitura do relatório da CLI e voltarei ao tema oportunamente com maiores informações.
Ótima noite a todos.

14 comentários:

Irene disse...

"OS NOMES DE FUNCIONÁRIOS DA PRÓPRIA ADMINISTRAÇÃO ESTARIAM SENDO UTILIZADOS PARA SACAR O DINHEIRO QUE DEPOIS É REPASSADO AOS PACIENTES."

Espera ai, pelo que entendi estão usando funcionários como laranja não é? E o prefeito ainda afirma que o procedimento é normal?! Meu Deus!

antonia disse...

Pois é prefeito se por acaso o senhor estivesse sendo "perseguido" estaria nada mais provando de seu proprio veneno, pois perseguição é o nome desta adiministração, e o senhor sabe do que estou falando esta semana tivemos um exemplo clássico de perseguição.

Anônimo disse...

vamos resumir esse governo,nada mais e que ditador,estamos revivendo secúlos passados onde o maioral fala e os outros obedecem ou seram perseguidos enquanto estiver com poder em maõs, e ai como ficar calado diante de tantas injurias e tanta mentiras com certeza são desvio de dinheiro público na cara da população e ainda se faz de vitima,coitado desse cara que se diz prefeito so msm pra receber o seu sálario pq de homem público e que sabe administrar isso no que diz como prefeito ele e um cãos uma vergonha como representante espero que a população não esqueça do seu governo e não coloque lá seu sussessor ,pq ai sim a cidade ou melhor quem ama araguari,vai ver ela se acabar com tantos sangue sugas no poder eu digo a vcs se fosse so de uma pessoa a atitude eu msm iria lá e retiraria assim como colocamos mas isso depende de cassação,então que seja assim e seja colocado fora do poder se não tem tal competencia pro cargo ao qual lhe foi concedido,fora marcos coelho,não acabe com araguari a qual tanto amamos e somos fihlos dessa querida cidade

Iconoclasta disse...

O vereador Rauzinho convocou o secretário adjunto da saúde para prestar esclarecimentos e informações relevantes da sua pasta no plenário da Câmara, mas o mesmo contrariou o pedido de convocação do vereador e não compareceu.
Essa atitude do secretário fere o "ARTIGO 36" da Lei Orgânica do Munícipio que diz caso o secretário convocado para prestar esclarecimentos não comparece a "casa do povo", o mesmo deverá ser exonerado de suas funções.
E agora lhes pergunto, o que acontece com o sobrinho do prefeito? E a posição do Ministério Público?
Temos aqui dois problemas de imoralidade; desacato a convocação do vereador Rauzinho e nepotismo, já que o secretário é parente do prefeito.
Enquanto isso as nossas instituições...

"TÔ VENDO TUDO, TÔ VENDO TUDO
Mas, bico calado, faz de conta que sou mudo.

Ianis disse...

UBERLÂNDIA-MG, 31 de março de 2011.

Prezado(a) Iconoclasta,

(...)
Enquanto isso as nossas instituições...

"TÔ VENDO TUDO, TÔ VENDO TUDO
Mas, bico calado, faz de conta que sou mudo.
(...)

ARAGUARI - viver aqui é bom demais... e correr o risco de uma TRANSFERÊNCIA ?!

- JAMAIS !!!

E como diz o ditado popular, instituição que cala...

Atenciosamente,
Janis Peters Grants.

Régis disse...

Lamentavelmente temo que todo atardalhaço se transforme em algo que não vai mais dar em nada, ou melhor como se convencionou dizer - TUDO ACABA EM PIZZA e esse sujeito de Réu passa a ser p acusador...Não, caro leitor, não estou sendo pessimista, mas realista. Quantas e quantas vezes se processaram casos semelhantes e nada aconteceu, tanto em Araguari quanto no Brasil todo, de um modo geral. O que dizer de tudo isso? Só posso dizer que minha vontade de viver aqui em Araguari já não é a mesma, assim quanto de todos aqueles jovens que na primeira oportunidade vão embora da cidade à procura de melhores condições de trabalho e formação, já que nossos governantes não oportunizam nada que nos torne orgulhosos de viver por aqui. "Viver aqui é bom demais", creio que sim, mas somente para políticos "cara de pau", aposentados e agora vejo pela cidade um enorme contigente de indigentes ou pessoas vivendo nas ruas vítimas das drogas e do alcoolismo, enfim, exemplos desses só me fazem desacreditar na política. Desacreditar que um dia vamos ter uma cidade com uma intensa vida cultural, com seus filhos mais ilustres reconhecidos aqui e fora da cidade, com ruas transitáveis, acesso a todos a um serviço de saúde pública de qualidade e uma educação fortalecida e empenhada em formar cidadãos mais críticos e conscientes. Infelizmente agora sói vejo uma cidade em ruínas, com raríssimos eventos culturais, um grande números de adolescentes recorrendo ao álcool e às drogras para poderem suportar essa cidade e toda a imoralidade que decorre dos nossos políticos. Gostaria ainda que a juventude que aí está se interessasse por política, mas como falar em política diante de tanta imoralidade e desreito para o melhor de Araguari - O SEU POVO. Que fique aqui registrado a minha repulsa e a falta de esperança desses políticos que ai estão e parabenizar a estes vereadores Wesley Lucas, Werley Macedo, Raulzinho e Sebastião Vieira (Tiãozinho) pela iniciativa e coragem de mostrar à população Araguarina que quando há vontade política tudo se torna possível.

Colenghi disse...

Se ele está sendo perseguido, imagine os pobres funcionários de carreira como eu e meus companheiros.

Funcionário da Saude disse...

É triste vermos que as pessoas que escrevem este Blog e que o leem sao tão disprovidas de informação.

Este processo é adotado a anos e anos, não é somente o atual prefeito que utiliza este metodo e nem mesmo somente a prefeitura de Araguari.

infelizmente nao temos a rede completa de saúde no municipio e por isso nossos doentes necessitam de atendimento fora do domicilio, e para que estes sejam atendidos fora como a prefeitura faria para dar o dinheiro a eles???

Existe um modo de fazer um empenho em nome de um morador???? NAO NAO NAO NAO EXISTE.

Empenhos só sao feitos em nome de um funcionário. Dai o probe coitado que esta emprestando o nome dele para poder salvar uma vida é massacrado de todas as formas, e com ele sao levados todos os outros que estao querendo ajudar, isso é justo?

Se coloquem no lugar dos ultimos prefeitos e das pessoas que estao doentes, e pense se vc precisasse de tratamento médico fora de araguari, e nao existisse o TFD vc morreria, é isso que a populaçao prefere????

Pessoas exclarecidas sabem que o que esta sendo feito é para cudiar da saude e nao para encher o bolso do prefeito ou do funcionario que faz o serviço.

cidada araguarina disse...

Fico triste em ver tanta gente querendo prejudicar quem está ajudando.

Sou Portadora de CANCER e faço tratamento em Barretos a 6 anos, e a 6 anos a forma de nos darem dinheiro para as viagens é a mesma. Nunca vi e nem ouvi falar que fosse desviado dinheiro, este é todo empregado em pessoas como eu que necessitam de ajuda.

Agora é facil voces condenarem um sistema, sendo que voces não estao doentes e nem precisam de ajuda.

É facil apontar o dedo e nao enchergar o rabo.

Pois vcs falam sem saber e vao acabar prejudicando pessoas como eu, que dependem de tratamento em outra cidade para morrer.

Mas talvez com a ignorancia de voces e a hipocrisia seria melhor que eu estivesse morta né, dai vcs tambem diriam que a culpa é deste prefeito, que poderia também ter cido do Marcos Alwim que tambem fazia o mesmo trabalho.

Marcos disse...

Repito: ninguém é contra o TFD. Ele é necessário até pela incapacidade do município em atender a determinadas demandas.
Acredito que o trabalho da CLI, descontado o abuso político do caso, destina-se a corrigir eventuais distorções. Não faz sentido o dinheiro fazer uma longa caminhada até chegar as mãos dos pacientes. Igualmente, não há sentido em guardar dinheiro em gavetas de repartições públicas. Isso vira "caixa 2" e uma parte do dinheiro acaba sumindo.
É claro que agora o governo vai amendrontar os pacientes, dizendo que a CLI quer acabar com o TFD. Mas convém lembrar que tudo isso está acontecendo porque a própria Prefeitura está agindo de forma errada.

Fátima disse...

Cidadã araguarina, o câncer maior é o "Novo Modelo" tente eliminá-lo nas próximas eleições.
urna-terapia. Pois muitos que necessitam do mesmo serviço que vc está sendo prejudicado por falta de transparência na movimentação do dinheiro público. Pense nisso e deixa de ser egoísta.

Anônimo disse...

Vcs acreditam que essas pessoas que entram aqui com esses nicks de tumor, câncer... são realmente doentes, isso é gente desesperada lá da secretária de saúde. Deve ser aqueles funcionários puxa-sacos que buscam por meio da compaixão a solidariedade com o que está irregular e fraudulento.

Cidadã portatora de moralidade e conhecimento( Pai com cancêr) disse...

usuarios do tfd vcs estão sendo ameçados de perder o tratamento ou são igênuos? Sem prestação de contas para a União o programa acaba, portanto é bem provavel que a CLI salve vcs, porque está investigação vai obrigar a administração corrigir seus erros na prestação de contas do referido programa, garantido assim a sua continuidade.

Portador de massa encefálica disse...

Portadores mandados pela Iolanda ou pelo Póvoa adjunto.
Sem prestação de contas o TFD corre risco sim. Mas a culpa é somente do governo do PMDB, não de uma CLI ou do Blog.