terça-feira, 23 de novembro de 2010

Funcionários públicos com fome e sem transporte

O novo modelo de administração continua aprontando das suas. Entre as várias vítimas de  uma gestão desastrada, temos agora os funcionários públicos.
Alguns funcionários ligaram nas emissoras de rádio da cidade para reclamar que, até hoje, dia 23, ainda não receberam o vale-transporte deste mês. Vale dizer: estão tirando dinheiro do próprio bolso para irem trabalhar. Pior: esses mesmos servidores não estão recebendo vale-alimentação porque a Prefeitura não conseguiu fazer uma licitação para escolher a empresa que iria prestar esse serviço.
Agora, pasmem, a Prefeitura não consegue sequer pagar um vale-alimentação de R$ 35,00 por mês aos seus servidores. Isso é um absurdo! Em Brasília, por exemplo, há servidores que recebem esses mesmos R$ 35,00 de vale-alimentação, só que por dia de trabalho, o que dá algo em torno de R$ 700,00 por mês. Claro, nem tanto ao céu nem tanto à terra. Mas, o valor pago pelo município é simplesmente irrisório e indecente.
Vai aqui uma sugestão: por que não editar uma lei determinando o pagamento do vale-alimentação em pecúnia? Em vários lugares do país, as coisas funcionam assim. Ainda se economizam recursos, uma vez que não é preciso contratar empresa para o fornecimento de talonários ou cartões. Ou será que, além de pagar uma "merreca" para os funcionários, a Prefeitura quer enriquecer alguma empresa do setor de cartões-alimentação?
Para finalizar, uma pergunta: cadê o sindicato da categoria?

16 comentários:

Aristeu disse...

O nome correto seria vale-cafezinho!

Anônimo disse...

Não existe trabalho de mobilização junto às diversas classes de trabalhadores da prefeitura.Não há divulgação das ações do SINTESPA justamente porque estas não existem.Os filiados estão revoltados com direção da entidade pela falta total de ações direcionadas aos interesses da categoria, assim, o número de desfiliações tem crescido de forma assustadora.É deprimente e revoltante ver o presidente do sindicato e o seu vice debatendo apenas sobre o vale alimetação e transporte. Um Advogado conceiturado e um vereador sindicalista, juntos, são a maior mentira que o funcionalismo público já conheceu.Existe uma assembléia marcada para o dia 25.Acredito que será insignificante o número de servidores que comparerá ao chamado. Claro que estou contando com os amigos do presidente e os assessores do vereador.O fato para tal suposição é que o funcionário não está sendo mobilizado a participar e não se trata de falha na organizacão. A verdade é que o presidente do sintepa e seu vice querem ter domínio total na assembléia e evitar surpresas.

Wellington disse...

Sobre o comentário do Anônimo...
Em primeiro lugar a culpa do marasmo do Sintespa é única e exclusiva do funcionário, que não corre atrás de seus direitos. Outrossim, necessário lembrar que o sindicato em si, sem a ação do funcionalismo não existe. Eu mesmo, graças as perseguições que sofro por parte da Secretária de Saúde, sempre fui assistido e amparado legalmente pelo Sintespa.
A Ação deve partir do funcionário, e sinceramente, ações devem ser feitas dentro da lei e de maneira transparente, Se você tivesse interesse em mudança, em primeiro lugar não seria anônimo.

Anônimo disse...

Abre o olho funcionario. O sindicato é usado pelo tiaozinho pra dar emprego pra parente e pra enriquecer.

Anônimo disse...

O vereador presidente do sindicato elogiou o prefeito no início do governo. Tem inúmeros cargos de confiança e o preço foi abandonar os empregados da prefitura.Creio que não foi um bom negócio. A urna dirá.

Anônimo disse...

os votos aqui de casa nenhum deles terá!

Anônimo disse...

O tião não é mais o mesmo. Antes abraçava e levantava para o alta a minha mãe, me fazia gracinhas e mostrava que não tinha vaidade e nem ligava para o dinheiro ou fama.Antes mostrava uma converça diferente e sempre jurava que defenderia o povo pobre. Na eleição foi várias vezes a minha casa inclusive insistindo para ser padrino do meu filho. Hoje, é um político como os outros e terá o que todos acabam tendo: desprezo.

Edilvo Mota disse...

Que se preparem os eleitores, então...

Em 2012 teremos um radialista-vereador-amigo dos estudantes candidato a prefeito e um compadre da UEA candidato a vereador.

Antes, vista grossa para tudo, com direito a pressões para custeio de festinhas; agora, oposição oportunista.

E assim caminha a humanidade...

Anônimo disse...

O radialista-vereador-amigo dos estudantes é aquele mesmo que meteu a mão na grana da UEA????? Tamo fu...

Anônimo disse...

Edilvo,
querer eles querem, contudo não será tão fácil assim. Hoje vejo as pessoas tomando dinheiro de políticos safados, prometendo votos para qualquer um e principalmente descartando aqueles que pisam feio na bola. Existe também pessoas atentas à falta de ação destes gestores e a juventude literalmente não está se deixando levar como antigamente.

Neste momento vejo que pessoas fortes da antiga política de nossa cidade estaram expulsas desta "profissão" em razão da justiça (ficha limpa). Vejo a aliança nojenta de antigos adversários como um suicídio com reflexos positivos para toda a cidade. Vejo até mesmo delicada as chances de reeleição dos que hoje estão. O próprio Werley teve dificuldade e se não fosse a grande votação do sebastião creio que não estaria legislando. Para o futuro vejo o Sebastião sem os votos dos funcionários da prefeitura e desgastado pela falta de boas ações. Vejo o atual "presidente" do sindicato indo para a procuradoria da prefeitura e neste momento a pouca ordem na vida do sebastião acaba. Na minha opinião o radialista e seu compadre assim como o patroleiro disfarçado de sindicalista e vereador estão com os dias de suas carreiras contados.

Anônimo disse...

Edilvo, este radialista-vereador-amigo dos estudantes é o que surrupiou dinheiro da radio planalto?????

Edilvo Mota disse...

Putzgrila... tô mesmo desinformado!!!

Anônimo disse...

o Tiãozinho fazia oposição ao governo Marcos Alvim e conseguiu se eleger. depois de eleito mudou completamente... temos um novo modelo de administração na prefeitura e no sindicato, mas logo as eleições chegam e vamos encerrar a curta carreira política desse pseudo-sindicalista.

Anônimo disse...

Pseudo-sindicalista, pseudo-vereador e pseudo-estudante do curso de direito. A única verdade na carreira deste contador de lorota é que legislar engorda por demais. Para quem não sabe, aumenta a cada dia mais o nº de filiados deixando o sindicato. Cada desfiliação significa uns 10 votos a menos nas eleições de 2012.

Funcionario Publico Municipal disse...

Participei da assembleia do sintesta dia 25 foi nos comunicado que haveria votação de aumento para os funcionarios da area de saude, então fomos na camara orientados a participar da sessao de terça dia 30 de novembro. Resultado nos usaram bovinamente para conseguir ibope para a CLI, pois não tinha nem na pauta de votação aumento para nos funcionarios,com isso
deixo aqui e minha decepção em relação ao SINTESPA. Que so trabalha para interesses particulares

Anônimo disse...

O COLEGA FUNCIONÁRIO ESTÁ CONTANDO O QUE TODOS DIZEM AOS QUATRO CANTOS DA CIDADE: O SINTESPA NÃO ATUA COMO ENTIDADE SINDICAL E O VICE PRESIDENTE DO SINDICATO E VEREADOR TIÃO IRÁ PEDIR NOSSO VOTO PARA SUA REELEIÇÃO TANTO NO SINDICATO QUANTO NA CÂMARA. E AÍ ALGUÉM VAI TER CORAGEM DE ARRISCAR.

VAMOS TODOS CHUTAR ESTES OPORTUNISTAS PARA LONGE DE NOSSAS VIDAS!