terça-feira, 23 de março de 2010

Omissão deliberada?!

Nos últimos dias, tivemos informações controversas sobre o bloqueio ou não do recebimento de verbas federais por Araguari. Tudo em decorrência das supostas irregularidades ocorridas na construção do Hospital Muncipal. No ponto, fico com a palavra do imparcial Ronaldo César Borges, autor da excelente coluna semanal Drops no Gazeta do Triângulo. Segundo ele, a cidade não vem sofrendo esse bloqueio.
Pois bem, essa informação não deveria ser objeto de controvérsias e de querelas políticas. Isso porque, se o Poder Executivo de Araguari fosse minimamente transparente, manteria os partidos políticos, os sindicatos de trabalhadores e as entidades empresariais informados da liberação de recursos federais para a cidade. Não se trata, em absoluto, de nenhum favor. Cuida-se apenas de cumprimento do que manda o artigo 2º da Lei federal nº 9.452/97.

A propósito, esse descumprimento não é novidade na cidade. Já no final do ano de 2004, ainda no governo Marcos Alvim, a Controladoria-Geral da União detectou essa irregularidade na Administração do município. Ao que tudo indica, o novo modelo de administração resolveu copiar o seu antecessor e, igualmente, optou por burlar a lei e fugir do controle social.

Diante disso e considerando o estranho silêncio dessas organizações, cabe-nos botar a boca no trombone. Afinal, as organizações representativas da sociedade e o próprio povo têm o direito de saber onde e como estão sendo aplicados os recursos federais na cidade. Será que vamos ter que gastar tinta e papel para comunicar o fato ao Ministério Público e ao Tribunal de Contas da União?

4 comentários:

Edilvo Mota disse...

Prezado Marcos,

o marasmo e a omissão da sociedade beiram às raias do absurdo.

Conivência gera conveniência e com pouca sapiência alguns geram a própria independência.

Haja paciência...

Aristeu disse...

Também estas verbas federais são de difícil aplicação. São tantas exigências descabidas...

Anônimo disse...

Marcos,

O prefeito toca a Prefeitura como se fosse sua empresa. Acha que não precisa dar satisfação a ninguém. Não fala coisa como coisa e sempre em suas ações fica a nítida impressão de que existe algo além das aprências. Que pensais senhor MARCÃO ser prefeito de uma cidade????
TRANSPARÊNCIA ZERO 000000000000000000000

Anônimo disse...

Sr. Marcos está aí pewrto do poder

Informe-nos se as verbas federais estão mesmo bloqueadas para Araguari como divulga a incompetente administração da cidade. Eles dizem que estão, mas ao mesmo tempo anunciam a liberação de 1.000.000 da obra do córrego. A tal de ABRIL botou a grana no bolso e tchau, tchau............................