sexta-feira, 2 de outubro de 2009

Roubaram as provas do ENEM

E não é que roubaram as provas do ENEM... Esse setor de vestibulares e concursos públicos é um dos mais lucrativos do país (óbvio, não tanto quanto os bancos...). Daí, as razões da cobiça e do crime...
O mais engraçado é que as provas estavam sendo vendidas numa pizzaria. Nada de "portuguesa" ou "quatro queijos", a indicação do Cheff é pizza "à moda do ENEM"...
O mais triste é que, no final, os culpados serão absolvidos por falta de provas...

2 comentários:

Aristeu disse...

O que eu acho interessante é que o custo total do ENEM veio à tona e é algo abaixo de 120milhões o que dá um valor abaixo de 30reais por candidato... Foi cobrado de cada um deles o valor de 36reais.

Aristeu disse...

O MEC resolveu vazar o resto das provas. Eu as vi por alto e são muito bem elaboradas e que não condiz com o aprendizado da moçada. Eu tenho certeza que o resultado das mesmas seria ainda desastroso se o MEC reeditasse as provas apenas mudando a sequência das alternativas. Se em vez de colocar A B C D e E, colocasse Z, X, Y, M e N já seria o suficiente pra tocar o barata voa nas cabecinhas pródigas.